Yoga como medicina complementar: Yoga pode ajudar na saúde mental e física

Yoga como medicina complementar: Yoga pode ajudar na saúde mental e física

O yoga, uma prática antiga com origens originárias da filosofia indiana antiga, tornou-se uma tendência cada vez mais popular na sociedade atual. O yôga beneficia a saúde corporal e mental, tanto de mulheres quanto de homens. A prática do Yoga auxiliam no controle do estresse, ansiedade, ajuda contra depressão, dores no corpo e na coluna, além de melhorar o equilíbrio e facilitar o emagrecimento.

Para se aproveitar todos os benefícios desta atividade, são necessários, pelo menos, 3 meses de prática, pois, a pessoa adquire consciência corporal e passa a controlar melhor a mente para que ela influencie o corpo e, assim, todo o organismo trabalhe de forma harmônica e equilibrada.

Uma pesquisa divulgada pelo Ministério da Saúde revela que 38,1% dos brasileiros praticam exercícios físicos 5 vezes por semana por pelo menos 30 minutos a cada dia em seu tempo livre. Segundo informações o Sistema Único de Saúde (SUS), oferece várias praticas integrativas, como complemento em tratamentos em saúde, e que o número de brasileiros que as buscam tem só aumentado. De fato o número de atividades coletivas, como yoga e tai chi chuan, aumentou nos últimos dois anos, passando de 216 mil para 315 mil, entre 2017 e 2018. Ao todo, são 29 práticas integrativas disponíveis no SUS.

O yoga terapêutico faz uso das posturas tradicionais do yoga para tratar condições crônicas de saúde física e mental, como ansiedade, depressão, dor nas costas, hipertensão e dores nas articulações e rigidez. Os praticantes de yoga terapêutico geralmente recebem treinamento adicional em assuntos como psicologia, anatomia e fisiologia para ajudar ainda mais seus pacientes com seus problemas.


Um estudo publicado no International Journal of Yoga teve como objetivo fornecer uma revisão abrangente dos benefícios da prática regular de ioga. De acordo com a autora do estudo Catherine Woodyard, da Universidade do Mississippi , a prática regular de ioga promove força, resistência, flexibilidade, além de facilitar características de amizade, compaixão e um maior senso de autocontrole. A prática continuada desta arte terapêutica também pode levar a várias mudanças nas perspectivas de vida, maior autoconsciência e um senso aprimorado de energia para viver a vida ao máximo.


Após uma pesquisa e análise aprofundada de vários estudos e bancos de dados sobre yoga, o estudo mostrou que o yoga terapêutico fornece muitos meios para melhorar várias condições de saúde. A prática de yoga incentiva o relaxamento, que retarda a respiração e permite que o indivíduo se concentre no presente. Isso muda o equilíbrio do sistema nervoso simpático e a resposta de luta ou fuga para o sistema parassimpático e a resposta de relaxamento.

“O último é calmante e restaurador; reduz a respiração e os batimentos cardíacos, diminui a pressão sanguínea, diminui os níveis de cortisol e aumenta o fluxo sanguíneo para os intestinos e órgãos vitais”, escreveu 
 Catherine Woodyard.

Benefícios do yoga para a saúde das gestantes


Além de ser benéfico para qualquer mulher, o yôga também pode trazer grandes benefícios durante a gravidez, pois melhora a flexibilidade e facilita a adaptação às mudanças do corpo neste período, tonificando os músculos, alongando articulações, e tornando a gestação menos dolorosa e tensa. Além disto, os movimentos respiratórios também ficam mais sincronizados, diminuindo a sensação de falta de ar que acontece nos períodos finais da gestação.

Já o relaxamento proporcionado por estar atividade também pode diminuir a ansiedade e a preocupação, muito comuns em gestantes, fazendo com que a mulher esteja mais tranquila, e facilitando o desenvolvimento do bebê de forma saudável.

Neste período, a prática de exercícios físicos deve ser orientada por um profissional de saúde e liberada pelo obstetra, devendo ser, de preferência, de forma leve e relaxante.



Benefícios do yoga na saúde dos idosos


Pessoas da terceira idade podem se beneficiar muito com a prática desta atividade, pois fortalece os músculos, alivia de dores pelo corpo, melhora o equilíbrio, flexibilidade e atenção.

O controle da pressão, dos batimentos cardíacos e da respiração, também são efeitos do yôga que podem trazer melhor qualidade de vida e bem-estar aos idosos, além de ajudar a controlar doenças como pressão alta, diabetes e colesterol alto.

É importante lembrar que os exercícios praticados nesta atividade devem ser adaptados às condições e necessidades de cada pessoa, para que sejam feitos de forma natural e de acordo com os benefícios que a pessoa procura, evitando, assim, lesões, torções ou sensação de desestímulo.


Aula de yoga para iniciantes - hatha yoga | Carolina Borghetti


Estamos preocupados com a censura e exclusão da nossa página no Facebook. Por isso, incentivamos todos que desejam continuar a receber nosso conteúdo valioso , a se inscreverem na nossa lista de e-mail. - Depois de se increver acesse sua caixa de entrada ou de spam para confirmar.
Siga-nos nas redes para atualizações - (Instagram) (Facebook) (Twitter)




Alexa - amazon