Notícias Recentes

Facebook agora está assistindo secretamente usuários enquanto navegam na rede social

Facebook está assistindo secretamente você enquanto navega pela plataforma

Mark Zuckerberg CEO, do Facebook, está rodeado de escândalos que envolve invasão de privacidade, e vendas de dados privados de usuários para terceiros. Enquanto tudo isso acontece "intencionalmente", as alegações de "justificativa"do Facebook são geralmente, que ocorreram "bug", ou que existia um falha que foi "invadida" tudo como forma de justificar suas falcatruas por trás da plataforma, Agora novamente usuários espertos, descobriram que o Facebook estava coletando seus dados em vídeo ou gravando seus rostos com as câmeras de seus smartphone e laptops, sem a permissão dos usuários enquanto assistiam vídeos ou navegavam pelo o feeds.

Essas coletas de dados nos faz pensar de como o reconhecimento facial saberá tudo sobre você melhor que você mesmo, já que esses dados e momentos privados são gravados em áudio e vídeo secretamente sem a permissão dos usuários ou até mesmo sem saberem, que geralmente são armazenados em bancos de dados, onde inteligência artificial terá também todo o acesso em primeira mão para julgar a sua causa em um futuro de estado totalitário.



Os relatórios indicam vários usuários descobrindo o "bug"


Os relatórios indicam que vários usuários ficaram chocados ao descobrir que as câmeras de seus dispositivos os gravavam secretamente "em segundo plano" enquanto percorriam os feeds de notícias, mesmo que nunca tivessem dado permissão ao aplicativo do Facebook para fazer isso.

Muitas dessas pessoas foram ao Twitter para relatar as notícias perturbadoras, que rapidamente enviaram uma onda de choque pela mídia social, lembrando às pessoas que a privacidade pessoal agora é coisa do passado, pelo menos se você possui dispositivos eletrônicos que têm acesso à Internet.

De acordo com a CNET , que replicou com êxito o "bug" usando seus próprios testes, o problema é facilmente identificável quando um usuário sai do modo de tela cheia depois de ver uma foto ou vídeo. Um bug no layout móvel do Facebook desloca a tela levemente para a direita após minimização, e no espaço aberto à esquerda fica evidente que a câmera do usuário foi misteriosamente ativada.



Quando as notícias sobre esse "bug" começaram a circular, Guy Rosen, "Vice-Presidente de Integridade" do Facebook, foi ao Twitter para anunciar que sua empresa agora está investigando o assunto.

"Descobrimos recentemente nosso aplicativo para iOS lançado incorretamente no cenário", escreveu Rosen em seu tweet.
“Ao corrigir essa semana passada na v246, inadvertidamente, introduzimos um bug em que o aplicativo navega parcialmente na tela da câmera quando uma foto é tocada. Não temos evidências de fotos / vídeos enviados devido a isso. ”
Em uma declaração posterior, Rosen declarou que o Facebook não havia capturado fotos ou vídeos como resultado desse "bug".
"A reputação de privacidade do Facebook é tão preocupante que muitas pessoas ainda acreditam que a rede social está secretamente gravando pessoas através de seus microfones", observa Alfred Ng, da CNET .


Atualmente, toda “atualização” da Apple é apenas mais um golpe enganoso para erodir ainda mais as proteções de privacidade dos usuários


Mas nem todo mundo realmente acredita que isso possa ser apenas um mero erro, incluindo Daryl Lasafin, diretor criativo da agência de marketing Dame Digital nas Filipinas.

Após inicialmente rejeitar a questão como a mera “falha” que o Facebook afirma ser, Lasafin percebeu que durante todo o dia enquanto ele usava o Facebook em seu celular, a câmera continuava sendo ativada em segundo plano.

"Eu pensei que era apenas meu telefone ou o aplicativo funcionando", disse Lasafin. "Então eu observei que se tornou mais persistente naquela noite."

Lasafin tentou solucionar o problema sozinho desinstalando e reinstalando o aplicativo do Facebook, além de remover todas as permissões do Facebook para acessar a câmera do telefone. Mas nada disso consertou nada, pois o aplicativo do Facebook continuava ligando a câmera sem a permissão dele.

Curiosamente, depois que Lasafin revogou todas as permissões para o aplicativo do Facebook em seu telefone, a única coisa que apareceu foi uma tela preta.

Não é de surpreender o fato de que esse "bug" está ocorrendo apenas nos iPhones da Apple que possuem a versão mais recente do iOS instalada. De acordo com a Next Web , o "bug" não apareceu no iOS 12, sugerindo que a mais recente atualização da Apple nada mais é do que uma farsa - assim como a mais recente atualização da Apple para MacOS, conhecida como "Catalina", que é igualmente utilizada com "bugs".

Os usuários do Android não são afetados de forma alguma por esse "bug" da câmera do Facebook. Pelo menos não aparentemente.

Essa última violação do Facebook só agrega ferimentos quando se trata da total desconsideração da empresa pela privacidade pessoal das pessoas. Como você deve se lembrar, o Facebook não teve escolha senão desembolsar US $ 5 bilhões em multas  por várias outras violações da privacidade , o que tornou a empresa uma das gigantes tecnológicas menos confiáveis ​​do Vale do Silício.

Receba as notícias do Coletividade Evolutiva em primeira mão. Siga-nos nas redes sociais! Facebook - Twitter - Instagram - Receber por e-mail - Ajudar o Site



Fabio Allves

Fundador:Fabio Allves
Fundador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade de qualquer forma que ela venha. Desde meu despertar há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. Ao longo da vida busquei explorar os mistérios e os conhecimentos ocultos que cercam o planeta e as origens da humanidade, questionando as raízes do que constitui aparentemente nossa “realidade”, e como o condicionamento social afeta nossa busca coletiva pela verdade em todos os aspectos da vida. A informação está livremente correndo nas mãos do público, então o meu objetivo é ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar e fazer parte da inevitável mudança que acontece ao despertar a sociedade (Saber Mais)