Notícias Recentes

Rede 5G e a Inteligência Artificial: A destruição final da humanidade

Rede 5G e a Inteligência Artificial: A destruição final da humanidade

A criação de "Inteligência Artificial" (IA)  é a próxima fase em que a humanidade estar passando em sua evolução tecnológica. Estamos no ponto em que as empresas estão projetando máquinas, robôs e programas de Inteligência Artificial (IA) para criar máquinas, robôs e programas de IA infantis - em outras palavras, temos IA construindo IA. Enquanto alguns elogiam esse desenvolvimento e apontam os benefícios (o fato de que a IA agora é mais inteligente que a humanidade em algumas áreas e, portanto, podem supostamente projetar melhor a IA do que os humanos), há uma consequência séria para tudo isso: a humanidade está se afastando ainda mais da humanidade. o processo de design - e, portanto, tem menos controle.

 Chegamos agora a um momento decisivo com a IA construindo IA melhor do que os humanos. Se a IA cria uma IA infantil que supera e domina a humanidade, o que acontece se quisermos modificá-la ou desligá-la - mas não podemos? Depois de tudo, não o projetamos, então como podemos ter 100% de certeza de que não haverá consequências não intencionais? Como podemos ter certeza de que podemos controlá-lo 100% diretamente? Recomendado: ALERTA vermelho: Milhares de satélites sendo lançados no espaço para explodir a radiação 5G

As garantias tranquilizadoras do governo e da indústria


Órgãos governamentais,  e não governamentais, a mídia tradicional encarregada no marketing enganoso, e a indústria, todos procuram nos tranquilizar de que não há evidências estabelecidas de que a radiação de radiofrequência (que rádio, televisão, telefones celulares, smartphones e 5G todos os usos) tem efeitos adversos à saúde em adultos ou crianças, e bebês. A Saúde e segurança simplesmente não aparecem no pensamento do governo, apesar de uma verdadeira montanha de literalmente milhares de trabalhos de pesquisa demonstrando efeitos adversos à saúde que continuam a crescer a uma taxa de aproximadamente 350 por ano, em média praticamente um todos os dias.

Uma das razões para ignorar essa evidência na tentativa de criar o ecossistema eletrônico 5G é a convicção nos círculos governamentais de que, a menos que a introduzamos imediatamente, seremos “deixados para trás” e nosso crescimento econômico e competitividade serão por em risco. Simplesmente não há tempo para considerar as possíveis consequências para a saúde. As recompensas do "futuro conectado" devem ser medidas em bilhões e de assassinato em massa.

A formação do cérebro eletrônico global


Mas se o 5G promete alterar radicalmente o mundo experiencial em que habitamos dessa maneira, há algo mais que devemos entender se quisermos entender o que realmente está sendo preparado. Ao mesmo tempo em que tecnologias cada vez mais sofisticadas desconectam cada vez mais os seres humanos do mundo natural, uma rede de “ inteligência ” eletrônica, ”Global em extensão, emergiu gradualmente. No início, estava sob estreita supervisão humana, mas se tornava cada vez mais autônoma. Considere a diferença entre radiodifusão e Internet: a primeira está sob rígido controle humano e serve a um propósito muito específico, enquanto a segunda se estabeleceu como uma infraestrutura eletrônica permanente, constantemente disponível, de escopo e alcance indefinidos. O que vem acontecendo nas últimas décadas é a crescente coordenação de máquinas dotadas de inteligência, para que elas operem sem a necessidade de supervisão humana.

Os esforços atualmente em andamento para criar um ecossistema eletrônico 5G são a pré-condição necessária para o desenvolvimento e aperfeiçoamento de uma rede global de Inteligência Artificial, que se alimenta da transferência muito rápida de grandes quantidades de informações. Esse "cérebro" eletrônico global, inocentemente chamado de " Internet das Coisas ", já está impactando nossas vidas.

Por meio da Internet das Coisas, mais e mais coisas serão vinculadas à Internet e tornadas “inteligentes” ao receber a capacidade de funcionar de forma autônoma. Nas auto-estradas inteligentes, seu carro dirige sozinho enquanto você, usando seu fone de ouvido VR e colete háptico, joga jogos de computador interativos no banco de trás; e em sua casa inteligente, sua geladeira solicitará autonomamente mais ovos, leite e queijo por uma conexão sem fio com um fornecedor.

Mas a realidade é que a Internet das Coisas é ela própria a precursora do que foi chamado de "Internet do Pensamento", na qual os seres humanos se encontrarão tendo que viver em relação à vasta inteligência eletrônica global. Ele estará ativo em qualquer lugar do ambiente e seremos obrigados a interagir com ele para realizar as tarefas mais simples. Na Internet do Pensamento, não é difícil ver os lineamentos de um estado totalitário sobrecarregado eletronicamente, com controle sem precedentes sobre as minúcias da vida dos indivíduos. A possibilidade disso acontecer será aumentada apenas pelos milhares de novos mastros e satélites de mini telefones que irradiam cada centímetro do planeta com ondas milimétricas. Pois é isso que 5G significa: significa implantar não apenas um sistema de telecomunicações aprimorado, mas um novo "sistema de sistemas" - a infraestrutura do totalitarismo eletrônico.

Receba as notícias do Coletividade Evolutiva em primeira mão. Siga-nos nas redes sociais! Facebook - Twitter - Instagram - Receber por e-mail



Fabio Allves

Fundador:Fabio Allves
Fundador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade de qualquer forma que ela venha. Desde meu despertar há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. Ao longo da vida busquei explorar os mistérios e os conhecimentos ocultos que cercam o planeta e as origens da humanidade, questionando as raízes do que constitui aparentemente nossa “realidade”, e como o condicionamento social afeta nossa busca coletiva pela verdade em todos os aspectos da vida. A informação está livremente correndo nas mãos do público, então o meu objetivo é ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar e fazer parte da inevitável mudança que acontece ao despertar a sociedade (Saber Mais)