Sete métodos comprovados: Mantenha seu cérebro jovem e livre de danos neurológicos

Mesmo se você escapar dessas doenças debilitantes e fatais, você pode estar entre milhões de outros que sofrem de comprometimento cognitivo leve


Sete métodos comprovados:  Mantenha seu cérebro jovem e Afiado

O Alzheimer tem sido denominado como a doença definidora da geração pandêmica, com projeções de suas vítimas triplicando até 2050, além de outros milhões sofrendo de demência grave e doença de Parkinson. É importante um cuidado maior,
 principalmente, pessoas que tomaram vacinas mRNA COVID: Causam danos neurológicos!

Mas mesmo se você escapar dessas doenças debilitantes e fatais, você pode estar entre milhões de outros que sofrem de comprometimento cognitivo leve (CCL ou o que é frequentemente chamado de "disfunção cognitiva relacionada à idade") e "comprometimento de memória associado à idade" normal.

Essas condições são o que muitos de nós vivemos como "momentos seniores". Os sintomas incluem perda de memória, bem como um declínio na capacidade de pensar e raciocinar. Alguns desses problemas são resultado do envelhecimento natural do nosso cérebro. Mas outros surgem da má nutrição e da exposição a toxinas ambientais.

As doenças neurológicas são patologias que afetam o sistema nervoso central e periférico, incluindo o cérebro, a medula espinhal, os nervos e os músculos. 

Com mais de 600 distúrbios detectados, esse tipo de doença pode afetar tanto a capacidade motora (incluindo os movimentos voluntários, a fala, a habilidade para comer e, até mesmo, a respiração) quanto a cognitiva (comprometendo a memória e a aptidão de aprender e interagir socialmente). 

As drogas têm mostrado pouca promessa e efeitos colaterais graves. Mas aqui estão sete métodos comprovados para manter seu cérebro jovem e afiado.

1. Bacopa para Aumentar a Cognição


A Bacopa monnieri, uma erva tradicional da medicina ayurvédica, mostrou efeitos positivos em vários aspectos do desempenho cognitivo, especialmente em estudos com participantes com mais de 60 anos. Seus benefícios incluem melhora na memória, tempos de reação e capacidade de ignorar informações irrelevantes.

2. Ginkgo Biloba para Melhorar a Memória


O Ginkgo biloba tem sido associado à melhoria da memória e atua como um limpador de radicais livres, protegendo os neurônios da oxidação. Estudos mostram sua eficácia em melhorar a função cognitiva e os sintomas comportamentais em pacientes com doença de Alzheimer ou demência vascular.(Se desejar um suplemento, aqui estar - Ginkgo Biloba - 100% PURO
)

3. Chá, Vinho e Chocolate para Habilidades de Pensamento


Uma dieta rica em flavonoides, presentes em alimentos como chocolate, vinho e chá, tem sido associada a melhores habilidades de pensamento. Esses alimentos, especialmente quando consumidos juntos, mostraram resultados positivos em testes cognitivos. (Veja opções de chás naturais aqui )

4. Antioxidantes para Desacelerar o Envelhecimento Cerebral


Uma dieta rica em antioxidantes, como frutas vermelhas, uvas Concord e nozes, pode melhorar a função cognitiva em pessoas mais velhas. Suplementos de extratos de frutas ou vegetais ricos em antioxidantes demonstraram reduzir a vulnerabilidade ao estresse oxidativo relacionado ao envelhecimento. (Veja essa opção de suplemento - Solarie - 30 cápsulas - Ação Fotoprotetora e Antioxidante
)

5. Jejum Intermitente para Regenerar o Cérebro


O jejum intermitente, que envolve períodos de ingestão calórica reduzida, tem mostrado fortalecer a resistência dos neurônios, aumentar a plasticidade cerebral e promover a auto-reparação. Limitar as calorias pode reduzir a incidência e gravidade de doenças neurodegenerativas.

6. Sono para Limpar Toxinas Cerebrais


Uma boa noite de sono não só melhora o pensamento, mas também permite que o sistema de remoção de lixo do cérebro trabalhe mais eficientemente. Durante o sono, o cérebro remove proteínas tóxicas associadas a danos do Alzheimer. (Veja essa opção de suplemento ou saiba mais - Chlorella: Desintoxicação, Antioxidantes e Potencial Anticâncer em uma Microalga Poderosa.
)

7. Curcumina para Limpar Placas de Alzheimer


O consumo regular de curry e cúrcuma, especialmente a curcumina, tem sido associado a um menor risco de Alzheimer. A curcumina mostrou-se eficaz na limpeza de placas amiloides associadas à doença de Alzheimer, promovendo a atividade dos macrófagos, células do sistema imunológico. (Veja essa opção de suplemento com pimenta-preta que ajuda na absorção - Cúrcuma Longa Com Pimenta Preta 120 cápsulas 
)

Adotar esses métodos em sua vida diária pode ser uma maneira natural e eficaz de manter seu cérebro jovem e afiado, proporcionando benefícios cognitivos a longo prazo.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Uma pequena pausa antes de continuar


Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.