Coletividade Evolutiva , Hipertensão: Três suplementos que podem baixar a pressão alta e evitar outros problemas graves , Bem-estar , Vida saudável ,

Hipertensão: Três suplementos que podem baixar a pressão alta e evitar outros problemas graves

A hipertensão, quando não tratada, pode resultar em insuficiência cardíaca, acidente vascular cerebral, ataque cardíaco, doença renal e até demência


Pressão alta: Três suplementos que podem a baixar a hipertensão

Infelizmente, muitas pessoas acreditam que a medicina moderna, a base de drogas sintéticas/químicas que causam muitas vezes efeitos colaterais a médio ou longo prazo, é a "única solução". Mas, na verdade, existem muitas maneiras de reduzir naturalmente a pressão arterial, tomando suplementos vitamínicos e alimentares que podem nutrir o sistema e ajudar a reverter os ataques inesperados.

A pressão alta (hipertensão) é uma doença crônica caracterizada por níveis de pressão arterial persistentemente acima de 140 x 90 mmHg. Na maioria dos casos, pressão alta não provoca sintomas, mas algumas pessoas podem sentir dor de cabeça, alterações da visão ou tonturas.

Quando o coração trabalha mais para bombear o sangue pelo corpo acontece um evento clínico que conhecemos como pressão alta ou hipertensão. Com a evolução do quadro, a pressão alta pode exercer tensões extras em seus vasos sanguíneos e órgãos, incluindo cérebro, coração e rins.

Além disso, a hipertensão, quando não tratada, pode resultar em insuficiência cardíaca, acidente vascular cerebral, ataque cardíaco, doença renal e até demência vascular. (Relacionado: Circulação sanguínea: Melhore a circulação com estes suplementos)

Pesquisas sobre o tema destacam uma série de fatores conhecidos por aumentar a pressão arterial como dieta, excesso de peso, não se exercitar o suficiente e fumar, entre outros sabidamente nocivos ao corpo humano. Portanto, os órgãos de saúde recomendam fazer mudanças nesses hábitos para reduzir a pressão arterial.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia, a cada ano morrem 7,6 milhões de pessoas em todo o mundo devido à hipertensão. Cerca de 80% dessas mortes ocorrem em países em desenvolvimento, como o Brasil, sendo que mais da metade das vítimas têm entre 45 e 69 anos.

Antes de conhecer seguir lendo esse artigo, é importante entender o que acontece no quadro de pressão alta. Portanto, Como saber se minha pressão está alta?

  • dor no peito
  • dor de cabeça
  • dor na nuca
  • tonturas
  • zumbido no ouvido
  • fraqueza
  • visão embaçada
  • falta de ar
  • agitação

Além de mudar a dieta, também existem suplementos que podem ajudar nisso. Três desses suplementos incluem:

Cúrcuma - suplemento bem recomendado aqui: Cúrcuma Plus - 60 Cápsulas


Outra meta-análise de 11 estudos, publicada na revista Pharmacological Research em 2019, revelou que a cúrcuma melhorou a pressão arterial sistólica quando administrada por longos períodos.

Além disso, é uma rica fonte de vitaminas e minerais e contém mais de 300 nutrientes naturais. Os curcuminóides, fitonutrientes encontrados naturalmente na cúrcuma, são cinco a oito vezes mais potentes que as vitaminas C e E

Vitamina C - Esse suplemento bem recomendado já vem basicamente com tudo que uma pessoa com pressão alta precisa - C-Triple - Vitamina C 500Mg + Zinco 5Mg + Vitamina D 200Ui X 100 Comprimidos 

Tomar suplementos de vitamina C a curto prazo reduz a pressão arterial sistólica e diastólica, concluiu estudo recente sobre o tema, que analisou os resultados de 29 ensaios existentes,

A pressão sistólica é o número mais alto quando a pressão arterial é testada e refere-se ao nível mais alto que a pressão arterial atinge quando o coração bate.

Enquanto isso, a pressão diastólica é o nível mais baixo que a pressão arterial atinge quando o coração relaxa entre as batidas.

Zinco - suplemento completo, tudo na medida certa: Cálcio + Magnésio + Zinco + Vitamina D3 + Vitamina K2 - se quiser saber mais sobre os benefícios de cada um desses, acesse aqui

Uma pesquisa de 2019 mostrou que uma deficiência de zinco pode estar ligada à pressão arterial elevada, alterando a maneira como os rins lidam com o sódio.

Os pesquisadores disseram: “Entender os mecanismos específicos pelos quais [a deficiência de zinco] contribui para a desregulação [da pressão arterial] pode ter um efeito importante no tratamento da hipertensão em contextos de doenças crônicas”.

Considerações:

A hipertensão arterial normalmente não tem uma causa específica, sendo mais comum em caso de alimentação rica em sal e sedentarismo. No entanto, em alguns casos pode acontecer devido a doenças renais ou dos vasos sanguíneos, por exemplo.

Em caso de suspeita de pressão alta, é recomendado consultar o cardiologista. O tratamento pode envolver cuidados com a alimentação, como redução na quantidade de sal, perder peso, fazer atividade física e usar remédios para controlar a pressão alta.

Referência desse artigo: Catraca Livre

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR