Noz-moscada: veja como essa poderosa especiaria pode beneficiar sua saúde geral

Tempere seus alimentos com noz-moscada, uma especiaria versátil que pode ajudar a proteger sua saúde


Noz-moscada: veja como essa poderosa especiaria pode beneficiar sua saúde geral

Noz-moscada vem de Myristica fragrans, uma árvore tropical perene nativa das Ilhas Banda, nas Molucas (Ilhas das Especiarias) da Indonésia. Não está claro exatamente quando a noz-moscada foi descoberta pela primeira vez, mas especialistas dizem que, já no século 6 d.C., a noz-moscada foi comercializada na colônia grega de Bizâncio, que mais tarde era conhecida como Constantinopla - hoje Istambul moderna.

Acredita-se que a especiaria viajou até Roma, onde era vendida como aromatizante e era conhecida por seus benefícios para a saúde e eficácia como afrodisíaco. Ela também o
ferece benefícios para a saúde e contém antioxidantes que podem proteger contra os danos dos radicais livresAqui estão alguns dos benefícios do uso de noz-moscada:

Contém poderosos antioxidantes


As sementes de noz-moscada são minúsculas, mas estão cheias de compostos vegetais que atuam como antioxidantes em seu corpo.

Vários estudos têm analisado os antioxidantes orgânicos de plantas dietéticas, pois eles podem proteger as células do estresse oxidativo causado por radicais livres prejudiciais. Os radicais livres são moléculas instáveis que podem danificar as células e seus componentes.

Ajuda manter uma pele saudável


A pesquisa descobriu que a noz-moscada é um poderoso agente antimicrobiano, antioxidante, antisséptico e antibacteriano que pode apoiar a saúde e a função da pele.

Quando misturada em um creme, a noz-moscada ajuda a reduzir a inflamação e a irritação da pele, promovendo a hidratação.

Pode apimentar sua vida sexual


A noz-moscada também é considerada afrodisíaca. Os hindus acreditavam que uma pitada de noz-moscada poderia melhorar o desejo sexual e o desempenho.

Embora não haja nenhuma evidência humana específica disso, é amplamente conhecido que um pouco de noz-moscada pode melhorar a libido masculina.

Tem propriedades antibacterianas


A pesquisa sugere que o óleo de noz-moscada tem propriedades antissépticas que podem inibir o crescimento de bactérias nocivas.

Esses benefícios se devem ao fato dessa especiaria ser rica em miristicina, eugenol, pineno e sabineno, que são compostos fenólicos e óleos essenciais com ação bactericida, analgésica, carminativa e antiespasmódica.

Ajuda a controlar a pressão alta


A noz-moscada ajuda a controlar a pressão alta por conter miristicina e eugenol,compostos fenólicos e óleos essenciais com ação antioxidante que melhoram a saúde das artérias e facilitando a circulação de sangue.

Pode melhorar o humor


A miristicina, um importante óleo essencial presente na noz-moscada, pode melhorar o humor, já que atua no sistema nervoso central ajudando a diminuir a depressão e melhorar o bem-estar geral.

No entanto, estudos realizados com seres humanos ainda são necessários para comprovar os benefícios da noz-moscada no humor.

3. Alivia cólicas menstruais


A noz-moscada é rica em eugenol, além de conter boas quantidades de sabineno e pineno, que são compostos monoterpênicos com propriedades analgésicas e antiespasmódicas que diminuem a dor e contração muscular, aliviando as cólicas menstruais. 

Previne doenças cardiovasculares


A noz-moscada combate os radicais livres e impede a oxidação das células de gordura, controlando os níveis de colesterol “ruim”, LDL, e triglicerídeos no sangue e prevenindo, assim, doenças cardiovasculares, como infarto, aterosclerose e derrame.

Mantém a saúde do fígado


A noz-moscada é rica em myrislignan, um lignano que tem ação antioxidante, anti-inflamatória e hepatoprotetora, mantendo a saúde e ajudando na desintoxicação do fígado. 

Pode ajudar a evitar o câncer


Por conter ótimas quantidades de miristicina, a noz-moscada estimula a glutationa S transferase, que é uma enzima com ação antioxidante, protegendo as células saudáveis do organismo do contra os danos causados pelos radicais livres e ajudando, assim, a evitar o surgimento de câncer.

Inibe o crescimento de bactérias


Os compostos ativos presentes no óleo de essencial de noz moscada como carvacrol, γ-cimeno, α-pineno, β-pineno e β-cariofileno possuem propriedades antimicrobianas que ajudam a combater a bactérias, como a Escherichia coli e o Staphylococcus aureus, por exemplo.

Aliviar a inflamação


A noz moscada possui atividade anti-inflamatória, pois aparentemente reduz as proteínas que estão associadas aos processos inflamatórios, como a interleucina-6 e o fator de necrose tumoral, além de aumentar a interleucina-10, uma proteína com propriedades anti-inflamatórias. Por isso, pode ser uma boa opção para tratar dor inflamatória crônica, principalmente articulares.

Como usar a noz-moscada


A noz-moscada é encontrada na forma de semente, que deve ser ralada, ou em pó, podendo ser usada como especiaria em receitas como bolos, pães, carnes, sopas, cremes, saladas de fruta, iogurte e tortas, por exemplo.

A noz-moscada também pode ser usada no preparo de bebidas como cappuccino, chocolate quente, leite quente e smoothie.

Se você gostaria de comprar em pó, aqui está uma boa sugestão:



Se quiser em bolas, aqui: 


Como fazer o chá


O chá de noz-moscada geralmente é feito com a semente ralada dessa especiaria.

Ingredientes:

  • 1/4 semente de noz-moscada ralada na hora;
  • 500 ml de água.

Modo de preparo:

Colocar a água numa panela e levar ao fogo para ferver. Após apagar o fogo, acrescentar a noz-moscada ralada, tampar a panela e deixar descansar por 10 minutos. Coar e beber em seguida.

No entanto, a dosagem e tempo de uso desse chá deve ser sempre indicado por um médico ou outro profissional de saúde especializado no uso de plantas medicinais.

Coisas a considerar antes de usar noz-moscada


Quando consumida em pequenas doses, a noz-moscada é considerada segura. No entanto, grandes doses podem desencadear efeitos adversos. Noz-moscada contém dois compostos chamados miristicina e safrol que, quando ingeridos em grandes quantidades, podem causar alucinações e perda de coordenação muscular.

Embora não haja diretrizes específicas sobre a quantidade de noz-moscada que você deve consumir por dia, recomenda-se que você não exceda um a dois miligramas por dia. Estudos mostram que as reações tóxicas ocorrem quando a noz-moscada é tomada a cinco gramas e acima.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Suplemento Multivitamínico

Fechar Menu