Vacinação

VACINA COVID e seus efeitos não previstos: A reativação de doenças como o vírus varicela-zoster está aumentando

Fabio Allves
Nos Apoie: Doação


Após as injeções de COVID-19 em massa, médicos e cientistas estão vendo um aumento na reativação de doenças como do vírus varicela-zoster. Também não posso deixar de fazer uma ligação entre varicela-zoster e o chamado vírus dos macacos (Monkeypox) e suas semelhanças acontecendo.

De fato, a reguladora americana (FDA) (equivalente a Anivsa do Brasil) sabia o tempo todo que as vacinas COVID-19 iria desencadear a reativação de outras doenças nas pessoas. Mas será mesmo que estamos vendo vírus dos macacos ou é apenas uma coincidência? Saiba toda a história por trás disso aqui.


Dr. Robert Malone, está falando sobre como a Food and Drug Administration (FDA) dos EUA, sabia o tempo todo que as “vacinas” do coronavírus (Covid-19) estimulam a reativação viral de doenças como a varicela -zoster vírus (zona), mas optou por reter esta informação do público.

O vírus varicela-zoster é um dos oito vírus herpes conhecidos que infectam humanos. Depois que uma pessoa contrai varicela e se recupera, o vírus nunca deixa o corpo, mas permanece inativo no sistema nervoso anos depois até que seja reativado até mesmo por uma imunidade enfraquecida. (Relacionado: Dr. Ryan Cole diz que vacinados estão imunocomprometidos, tornando-as mais propensas ao câncer, HIV, HPV, herpes zoster, herpes, etc)

As autoridades federais de saúde dizem que não há ligação entre as injeções de COVID-19 e o herpes zoster, mas estudos mostram que as pessoas que recebem a vacina têm maior incidência de herpes zoster.

Outros apontam/ distorcem a verdade do público apontando para os recuperados do COVID-19  -  que o aumento de herpes-zoster em adultos tem relação com vírus da COVID-19, afirmando:

Atualmente, cientistas apontam fortes indícios da relação do coronavírus com o aparecimento de outras doenças. Em alta entre adultos que foram infectados pela COVID-19 está o vírus da varicela, causador da herpes-zoster, popularmente conhecida como cobreiro. A doença é causada pelo mesmo vírus da catapora e normalmente atinge pessoas acima de 50 anos.

Outra possível ligação com a vacina COVID-19 - Você deve se lembrar do surto de uma doença de bolhas na pele, semelhante com o herpes-zoster, que a mídia corporativa chamou de doença "misteriosa". Até onde rastreamos descobrimos pelo menos 117 casos da doença de pele, até então desconhecida, foram notificados em Recife, capital de Pernambuco. Pelo menos 16 bairros do município foram afetados. Os quadros são de lesões na pele, principalmente tronco e braços, e coceira. 

É fato: As evidências e estudos nos revelam que estamos assistindo agora, os efeitos adversos de longo prazo que nunca foram previstos em nenhum estudo, pois não existe


A verdade está se revelando: Israel foi um dos primeiros países a publicar uma série de casos de seis mulheres (de 491 participantes) com doença autoimune que desenvolveram herpes-zoster 3 a 14 dias após receber a primeira ou segunda dose da vacina COVID-19 da Pfizer. Nenhum dos 99 participantes do grupo controle desenvolveu herpes-zóster.

Em outro estudo de caso de Taiwan, os pesquisadores relataram três homens saudáveis ​​de 71, 46 e 42 anos que desenvolveram herpes zoster dois a sete dias após a primeira dose da injeção de Moderna ou AstraZeneca COVID-19.

O maior estudo até hoje, baseado em dados da vida real de mais de dois milhões de pacientes, descobriu que aqueles que foram vacinados (aqueles que foram vacinados contra COVID-19 em 60 dias) tiveram uma incidência maior de herpes zoster do que aqueles que não foram vacinados.

“A reativação da vacina parece ser uma potencial reação adversa [reação adversa ao medicamento] às vacinas COVID-19, pelo menos para formulações de mRNA do LNP”, escrevem os autores, acrescentando que “o COVID-19 parece aumentar potencialmente o risco de desenvolver HZ [zona].”

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) também dizem que “não há ligação neste momento” entre as vacinas COVID-19 e a reativação do vírus varicela-zoster.

Meus caros, se preparem para próxima rodada lucrativa da indústria farmacêutica... e calamidade social!
Publicidade
Publicidade

Continua após publicidade

Siga Coletividade Evolutiva nas redes sociais!
Publicidade
Compartilhe:
Nos Apoie com um donativo
Este artigo pode conter afirmações que refletem a opinião do autor
Coronavírus Covid-19 Proteína Spike Vacina Vacinação


RECENTES