Coletividade Evolutiva , Vacinação COVID-19 pode causar danos graves à próstata e ao trato urinário, segundo estudos , Bem-estar , saúde , Saúde e medicina ,

Vacinação COVID-19 pode causar danos graves à próstata e ao trato urinário, segundo estudos

Estudos mostram que "vacinas" contra a COVID-19 causam danos à próstata e ao trato urinário


Injeções da COVID-19 podem causar danos graves à próstata e ao trato urinário, segundo estudos

Desde o início da propaganda COVID-19 e vacinas, todas as contramedidas para supostamente proteger contra o SARS-CoV-2 falharam, deixando as populações sucumbindo a uma pandemia vacinal de efeitos colaterais e eventos adversos sem fim, o inevitável e a uma linhagem em constante mudança de mutações não de um novo vírus, mas de mutações vacinais chamadas de reforço ou atualizadas.

Embora a imunidade natural sempre foi e sempre será maior proteção contra futuras cepas virais e muito do sucesso de alguém em lidar com uma infecção inevitável depende da saúde das várias funções imunológicas do indivíduo, sua absorção de nutrientes e o tipo de tratamentos que eles buscam. Manter-se com um corpo nutrido com alimentos saudáveis ou um suplemento alimentar é uma boa ação.

Uma coisa é certa: após três anos de vacinação contra a covid-19 e várias doses de reforço [que, aliás, reforçam a danificação imunológica ], as doenças infecciosas e bactérias agora podem aproveitar o sistema imunológico danificado pelas injeções em muitos injetados COVID, tem mais chances de sucumbir a uma doença. Os vacinados são mais propensos a sucumbir novas infecções e outras doenças e futuras infecções chamadas de COVID, e os estudos agora mostram que essas infecções podem causar danos à bexiga, próstata e trato urinário.

Para piorar, estudos também mostram que a própria vacina está ligada a um aumento de infecções urinárias, bexiga hiperativa, incontinência e hematúria macroscópica (sangue na urina).

A COVID-19, exacerbada pela vacinação, ataca os receptores ACE2 nos testículos e na próstata, danificando o trato urinário


Uma infecção SARS-CoV-2, que é provavelmente precedida por uma vacina COVID-19, pode causar danos ao trato urinário por conta própria. A infecção viral pode causar inflamação na área genito-urológica, causando um aumento da próstata, revela o Epoch Times. Uma próstata aumentada impede o fluxo de urina porque a uretra passa através da próstata. O estreitamento da uretra torna o indivíduo mais vulnerável à hesitação urinária, retenção e infecções do trato urinário.

Em um estudo de outubro de 2023 publicado no Journal of Internal Medicine, pesquisadores de Hong Kong explicam que os vírus SARS-CoV-2 podem estar se ligando aos receptores ACE-2 e TMPRSS2 nos testículos e na próstata, causando danos. Os órgãos reprodutivos masculinos e femininos têm um nível de expressão relativamente alto de receptores ACE-2, tornando-os potencialmente mais vulneráveis aos danos causados pela infecção por SARS-CoV-2.

"Pacientes do sexo masculino infectados com SARS-CoV-2 são mais propensos a ter deterioração do LUTS (sintomas do trato urinário inferior). Essa associação não é isenta de plausibilidade biológica", concluíram os autores. Os receptores para SARS-CoV-2 e sua proteína spike superficial são abundantes na próstata, portanto, "torna-a um alvo para SARS-CoV-2, levando à inflamação e, portanto, a esses resultados de interesse", acrescentaram os autores.

Um estudo recente de Hong Kong descobriu que, entre os homens que estavam sendo tratados para sintomas basais do trato urinário inferior, aqueles que tiveram uma infecção por COVID-19 estavam em maior risco de ter uma próstata aumentada, o que pode levar a uma maior chance de infecções do trato urinário, retenção de urina e hematúria (urinar sangue).

Sintomas mais comuns de próstata aumentada. Os principais sintomas de próstata aumentada são:

  • Dificuldade para urinar;
  • Jato fraco de urina;
  • Interrupção do jato de urina;
  • Ficar muito tempo urinando;
  • Gotejamento de urina no final da micção;
  • Vontade frequente para ir ao banheiro;
  • Urgência para urinar;
  • Necessidade de fazer esforço para urinar;
  • Sensação de bexiga sempre cheia;
  • Retenção urinária;
  • Incontinência urinária, especialmente à noite;
  • Aumento da frequência urinária à noite.

Estes sintomas geralmente surgem após os 50 anos e acontecem em pelo menos metade dos casos de próstata aumentada. Isso ocorre devido à compressão que a próstata faz sobre a uretra, que é o canal por onde a urina passa.


Pacientes com próstata e ITU apresentam sintomas piores após vacinação contra Covid


Os pacientes que já tinham um problema subjacente com a próstata experimentaram um agravamento dos sintomas do trato urinário inferior após a vacinação. Um estudo de maio de 2022 publicado no Journal of Clinical Medicine alertou os médicos para monitorar pacientes com sintomas do trato urinário inferior após a vacinação COVID-19 - especialmente pacientes que já sofriam de bexiga hiperativa. Os autores do estudo aconselham os pacientes vacinados a procurar assistência médica adicional se seus sintomas do trato urinário pioraram após a vacinação.

Outro estudo encontra uma ligação direta entre a vacina e os danos no trato urinário. O estudo mostra que as proteínas urinárias responsáveis pela resposta imune são alteradas antes e depois da vacinação contra a COVID-19.

Estudos de biodistribuição realizados nos vacinados mostraram que a proteína spike transcrita pelas vacinas de mRNA não se deteriora; Em vez disso, tende a se concentrar nos ovários e testículos. Alguns estudos mostram que essas proteínas spike da vacina persistem por muitos meses há anos, contribuindo para danos vacinais a longo prazo. (Referência: Naturalnews)

Uma sugestão para ajudar com a próstata


O óleo de semente de abóbora é um composto natural que contém nutrientes como ômega 3, carotenoides e vitamina E, que podem prevenir a hiperplasia benigna da próstata. Esse óleo tem como papel modular uma enzima (a 5 alfa redutase), que é responsável por transformar a testosterona em dihidrotestosterona (DHT). 


Quando essa enzima está trabalhando muito, há um excesso de DHT no corpo. Essa situação ocasiona o aumento da próstata, que a hiperplasia benigna. Essa condição é uma das doenças mais frequentes nos homens, e que causa dificuldade e demora a urinar, necessidade de muito esforço para urinar e incapacidade de reter a urina. 

Dessa forma, o óleo de semente de abóbora é eficiente como tratamento preventivo da hiperplasia na próstata. O óleo de semente de abóbora também pode ser utilizado para melhorar a hidratação da pele, combater inflamações em geral, atuar na prevenção da queda de cabelo e melhorar a fertilidade masculina.

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR