Couve-flor impede desenvolvimento de células cancerígenas; veja benefícios

Couve flor é composta por nutrientes como cálcio, potássio, sódio, vitaminas e fibras


Couve flor é composta por nutrientes como cálcio, potássio, sódio, vitaminas e fibras - republicado Catraca Livre

Que a couve-flor reforça o sistema imunológico e contribui para uma vida mais saudável, isso todo mundo já sabe. O que, no entanto, estudos recentes revelaram é que, por conta dos sulforafanos, que contêm enxofre, a couve-flor inibe o o crescimento de células cancerígenas de pulmão, mama e o câncer de bexiga.

Por conta de sua ação anti-inflamatória, a couve-flor contribui para a manutenção do vaso sanguíneo flexível e eficiente. Já a alicina, também presente na hortaliça, reduz as chances de ataques cardíacos e derrames, enquanto o potássio auxilia na regular da pressão arterial.

Devido ao alto teor de fibras, a hortaliça melhora a microbiota, tornando o trânsito intestinal mais eficiente e fortalecendo sistema imunológico. Estas fibras também farão com que a pessoa sinta mais saciedade e então pode contribuir para a perda de peso.

Outro benefício do consumo do alimento é a presença de antioxidantes, sendo eficaz no combate aos radicais livres. Por conta disso, a couve-flor ajuda a prevenir cânceres, diminuir os riscos de doenças cerebrais degenerativas e também do envelhecimento celular.
Como fazer?

A couve-flor pode ser consumida refogada, cozida, gratinada ou em forma de salada. Você também pode cozinha-la ao vapor, preservando nutrientes.

O recomendável para se obter os benefícios nutritivos da couve-flor é consumir de um a dois buquês por dia. Além disso, especialistas recomendam que o ideal é evitar combiná-la com alimentos mais calóricos, como um molho branco com creme de leite.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Suplemento Multivitamínico



Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.