Agenda LGBTQ: OMS afirma que "educação sexual" começa no nascimento e ONU busca descriminalizar sexo com menores

O corpo globalista quer que os bebês sejam despojados de sua inocência e doutrinados em todas as formas de perversão possíveis na idade mais jovem


Agenda LGBTQ: OMS afirma que "educação sexual" começa desde o nascimento e ONU busca descriminalizar sexo com menores

Todas essas "conspirações" agora validadas e impressas em preto e branco. Agora que os poderes constituídos normalizaram com sucesso a homossexualidade e o transgenerismo, a próxima tábua de sua maniaca agenda de desconstrução social e da família é normalizar a pedofilia. Lembrando que a liberação de "misturas de banheiros" já estão em ação...

A globalista Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Organização das Nações Unidas (ONU) lideram a disputa nessa frente. A OMS esta pedindo que a educação sexual comece no nascimento. O corpo globalista quer que os bebês sejam despojados de sua inocência e doutrinados em todas as formas de perversão possíveis na idade mais jovem possível.

Uma vez que esses bebês sejam totalmente sexualizados, a ONU pretende descriminalizar o sexo adulto com menores, que se tornará a próxima cor no "arco-íris" LGBTQ. O relatório de 68 páginas da OMS/ UNESCO chamado "Standards for Sexuality Education in Europe" (Padrões para Educação Sexual na Europa) diz que as crianças precisam ser ensinadas sobre "prazer e prazer ao tocar o próprio corpo", também conhecida como "masturbação na primeira infância/ adolescência".

As crianças entre os quatro e os seis anos, insiste a OMS, devem ser forçadas a "falar sobre questões sexuais" para "consolidar a sua identidade de género". 
Segundo a OMS, sua proposta de sexualizar crianças na menor idade possível decorre de "fatos psicológicos estabelecidos com base em décadas de pesquisa" – em outras palavras, "ciência"

"Desde o nascimento, os bebês aprendem o valor e o prazer do contato corporal, do calor e da intimidade", afirma ainda o relatório. "Logo depois, eles aprendem o que é 'limpo' e o que é 'sujo'."
A OMS disse a repórteres que "nossas diretrizes refletem fatos psicológicos estabelecidos com base em décadas de pesquisa". Cobrindo o assunto, o repórter Mark Dolan, da GB News, chamou o desenvolvimento de "doente" e pediu que a OMS possa "ir para o inferno".

'A orientação da OMS diz que “a educação sexual começa desde o nascimento”. Se você não acha que isso é doentio, não posso ajudá-lo. A Organização Mundial da Saúde pode ir para o inferno.' Mark Dolan critica a posição da OMS sobre crianças de quatro anos aprendendo sobre sexo, masturbação e identidade de gênero. Diz o tweet da GB News 

Os globalistas estão mostrando suas verdadeiras cores: são pedófilos pervertidos que estão atrás de seus filhos


Uma vez que o plano de doutrinação da primeira infância da OMS esteja totalmente em andamento, o próximo passo envolve a ONU descriminalizar toda atividade sexual "consensual", o que significa redefinir o consentimento para incluir crianças menores do que a faixa etária atualmente reconhecida para o consentimento.

Classificando seu argumento pró-pedofilia como "direitos humanos" e "direitos trans", a ONU diz que a legalização do sexo de adultos com crianças também é baseada na "ciência".

Também é apoiado pelas seguintes organizações globalistas: Comissão Internacional de Juristas (CIJ), com sede em Genebra Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (UNAIDS) Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH)

Em um relatório (Os Princípios de 8 de Março para uma Abordagem Baseada nos Direitos Humanos ao Direito Penal Proscrevendo Conduta Associada a Sexo, Reprodução, Uso de Drogas, HIV, Sem-teto e Pobreza
) a ONU associa a legalização da pedofilia à descriminalização do uso de drogas.

"A conduta sexual envolvendo pessoas abaixo da idade mínima de consentimento para o sexo prescrita internamente pode ser consensual de fato, se não na lei", afirma o relatório.

Como você pode ver, o mundo está em seus estágios finais de degeneração, com a OMS e a ONU liderando o caminho. Eles querem seus filhos para que possam explorá-los e destruí-los.

Albert Einstein talvez tenha dito melhor com a seguinte citação:

"O mundo é um lugar perigoso para se viver; não por causa das pessoas que são más, mas por causa das pessoas que não fazem nada a respeito."

Referência: LeftCult.com.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Uma pequena pausa antes de continuar


Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.