Vacinação

"Segura e eficaz": 120 alunos são hospitalizados após injeções Covid da Pfizer na Província do Vietnã

Vacinação: Reações potencialmente mortais das injeções estão sendo tratadas como "normais" - Thanh Hoa, uma província do Vietnã, suspendeu t...

Fabio Allves
Compartilhe:
Nos Apoie: Doação


Reações potencialmente mortais das injeções estão sendo tratadas como "normais" - Thanh Hoa, uma província do Vietnã, suspendeu todo o uso da "vacina" do coronavírus Covid-19 da Pfizer depois que um único lote fez com que mais de 120 alunos fossem hospitalizados devido aos ferimentos.

Desde 30 de novembro, a província central injeta em crianças de 15 a 17 anos a solução experimental de mRNA da Pfizer-BioNTech, que os reguladores declararam ser "segura e eficaz". No entanto, sabe-se já a bastante tempo que as injeções do Covid nenhuma delas são seguros e eficazes como afirmado.

Entre os sintomas experimentados pelos 120 estudantes estavam náuseas, febre alta e dificuldades respiratórias, relataram publicamente os Centros Provinciais de Controle de Doenças (CDC). Exemplo claro de como as injeções são "seguras e eficazes", mas não para salvar vidas como dizem: Mortes de crianças aumentam 44% após vacinas no Reino Unido, mostram dados

Destes casos, 17 experimentaram ainda mais “reações graves” que exigiram um maior nível de cuidados médicos. A mídia corporativa do Vietnã afirma que esses indivíduos “se estabilizaram”, mas que continuam sendo monitorados em hospitais por toda a região.

“A causa de seus sintomas ainda não foi confirmada pelas autoridades de Thanh Hoa”, relatou VN Express , fingindo que as injeções não tinham nada a ver com esses resultados negativos para a saúde. Veja também: Poderemos ver um grande número de crianças sofrendo ou morrendo após as substâncias experimentais Covid? Especialistas alertam

Vietnã ainda planeja injetar em crianças "outros lotes" de Pfizer - tratando reações potencialmente mortais como normais.


É um pouco errôneo dizer que a Pfizer não será mais administrada no Vietnã, ou mesmo em Thanh Hoa.

O diretor do CDC da província, Luong Ngoc Truong, disse à mídia que as únicas injeções sendo interrompidas são as do lote afetado.

“Ainda temos outros lotes de vacinas da Pfizer”, afirmou Truong. “Então, vamos continuar vacinando as crianças.”

O lote suspenso, por sua vez, teria sido empurrado para um freezer e poderia ser usado mais tarde "para outros grupos como adultos", admitiu Truong.

Vu Van Chinh, diretor do Hospital Geral do Distrito Ha Trung, apoiou Truong e acrescentou insanamente, que esses efeitos colaterais são “normais”, especialmente em crianças.  Ou seja, vacinar crianças e ter que hospitalizá-las com urgência é normal?

“Aqueles que têm reações ou desmaiam precisam ser separados para que nenhuma reação em cadeia ocorra”, disse Chinh, sugerindo estranhamente que as reações à vacina são de alguma forma contagiosas se as crianças estiverem todas na mesma sala.

Até agora, o Thanh Hoa CDC distribuiu cerca de 117.000 doses da “vacina” da gripe Covid para 27 distritos e cidades em todo o país. Mais de 56.700 injeções, ou cerca de metade, foram administradas.

Na semana passada, três crianças morreram após as injeções da Pfizer em Bac Giang, Hanói e Binh Phuoc. A causa da morte foi declarada pelo governo como uma “reação exagerada à vacina”.

Da mesma forma, quatro trabalhadores da fábrica Kim Viet Shoe de Thanh Hoa morreram na semana passada com a injeção do vírus chinês “Vero Cell”, que é outra marca menos conhecida da vacina. Essas mortes também foram categorizadas como uma “reação exagerada” as vacinas.

“Tenho uma ideia melhor: que tal não atirar de jeito nenhum?” escreveu um comentarista no VN Express .
Publicidade

Explore mais em: Coronavírus , Covid-19 , Vacina , Vacinação
Compartilhe:
Nos Apoie com um donativo
Este artigo pode conter afirmações que refletem a opinião do autor

MAIS RECENTES