Vacinas Covid causam a MUTAÇÃO e vai manter o feedback de vacinação e mortes por vacinas

Vacinação: Vacinas Covid causam a MUTAÇÃO e vai manter o feedback de vacinação e mortes por vacinas - Estou EXTREMAMENTE preocupado com o impacto que as vacinas Covid-19 em massa, alertar o Dr. Geert Vanden Bossche

Fabio Allves


Um importante cientista de vacinas, independente, chamado Dr. Geert Vanden Bossche, que trabalhou com várias corporações e organizações de vacinas do mundo, incluindo a GAVI, alertou a criminosa e financiada por Bill Gates, Organização Mundial de Saúde (OMS) sobre o desastre global em vacinação em massa de populações ao redor do mundo com vacinas covid-19 em meio a uma pandemia viral, que resultaria em vacinados se tornarem bombas de mutação viral, levando o que ele chama de "escape imune viral". Ele não é o único a alertar sobre isso!

Ele diz que as vacinas covid-19 são remédios “brilhantes” e insiste que funcionam em um nível individual, mas diz que são “a arma errada” para ser implantada em escala global quando altas pressões de patógenos infecciosos estão presentes. É importante ressaltar que esse não é qualquer cientista e não é anti-vacina, mas ele expressou preocupação com as vacinas covid-19, portanto, ele viu algo ali, que não poder estar sendo feito nas populações.

Como ele tuitou em 3 de março, “Estou EXTREMAMENTE preocupado com o impacto que as vacinas Covid-19 atuais terão quando cada vez mais implantadas em campanhas de vacinação em massa conduzidas no calor de uma pandemia. Leia meu AVISO global e evidências científicas.” Em seguida, ele fornece o seguinte link para seu aviso: Acesse o documento aqui, estar em Inglês, mas você pode usar o tradutor.

Um membro da indústria de vacinas que trabalhou com a Fundação Bill & Melinda Gates


Antes de entrarmos na apresentação e seu significado, vamos primeiro dar uma rápida olhada no histórico do Dr. Bossche. Uma boa descrição é oferecida por Dryburgh.com , que cobriu essa história em detalhes:

Dr. Geert Vanden Bossche, PhD, DVM, é um especialista em pesquisa de vacinas. Ele tem uma longa lista de empresas e organizações com as quais trabalhou na descoberta de vacinas e pesquisa pré-clínica, incluindo GSK, Novartis, Solvay Biologicals e Bill & Melinda Gates Foundation. O Dr. Vanden Bossche também coordenou o programa de vacina contra Ebola na GAVI (Aliança Global para Vacinas e Imunização).

Ele é certificado em Virologia e Microbiologia, autor de mais de 30 publicações e inventor de um pedido de patente para vacinas universais. Ele atualmente trabalha como consultor independente de pesquisa de vacinas.

Em outras palavras, você dificilmente encontrará alguém que seja mais qualificado e experiente como um conhecedor da indústria de vacinas. Notavelmente, o Dr. Dossche é obviamente pró-vacina , e não um assim chamado "antivacina". No entanto, mesmo do ponto de vista pró-vacina, ele vê enormes riscos e problemas com as campanhas de vacinação em massa, mesmo assumindo que as vacinas funcionem conforme planejado.

Bossche explica que as vacinas funcionam em um nível individual, mas em massa criam riscos enormes devido ao "escape imunológico"


Como um defensor da vacina, Bossche acredita que as vacinas funcionam em um nível individual e podem criar imunidade contra o patógeno pretendido. No entanto, em conjunto, as vacinações em massa de grandes populações durante uma pandemia resultam em um fenômeno conhecido como “escape imunológico”, o que significa que o vírus desenvolve variantes que são imunes às vacinas disponíveis. Essa adaptação de seleção natural do vírus resulta em um espectro ainda mais perigoso de cepas de vírus escapando dos corpos dos hospedeiros mais fortes e mais virulento, agora mais perigoso do que o patógeno original que as vacinas foram projetadas para conter.

Em sua apresentação, Bossche avisa que as vacinas covid, “não podem controlar a replicação de variantes mais infecciosas do CoV e podem até
conduzir o escape imunológico”.

Ele explica que a “imunidade inata” (natural) é crucial para interromper o ciclo de mutações e infecções que impulsionam as “três ondas distintas” da doença pandêmica. Ainda assim, a imunidade inata - a imunidade natural expressa por pessoas sem vacinas - não é reconhecida e nem impulsionada de forma alguma pelo estabelecimento médico enlouquecido por vacinas e pelas instituições políticas globais que agora pressionam por vacinações em massa em todo o mundo.

A análise do Dr. Bossche depende do papel dos NACs (portadores não assintomáticos) na atenuação da disseminação de cepas virais infecciosas. Como ele alerta, quando não-NACs são vacinados, isso resulta em um aumento da infecciosidade viral entre os NACs . Dito de outra forma, quando você vacina em massa pessoas que não apresentam sintomas, está criando pressões de adaptação viral em toda a população que resultam em aumento da patogenicidade viral entre os portadores que apresentam sintomas. Isso leva a pandemia em alta velocidade com cepas mais perigosas que são cada vez mais infecciosas.

Como ele afirma, “As variantes de escape imunológico resultantes agora são resistentes à vacina”. Isso torna a vacina pior do que inútil ... ela realmente preparou o desenvolvimento de supercepas enquanto enfraquece a resposta imunológica subsequente quando novas cepas são encontradas por pessoas que foram previamente vacinadas.

Especificamente, como ele afirma:

As taxas de infecção aumentadas levam a taxas aumentadas de soropositividade transitória em NACs; a soropositividade suprime a imunidade inata porque os Abs específicos de Ag superam os NABs pela ligação ao CoV e evitam o treinamento do sistema imunológico inato.

Em outras palavras, a vacina suprime o sistema imunológico enquanto gera super-linhagens mortais. Isso faz você se perguntar: isso é tudo intencional?

As pessoas que são "totalmente vacinadas" são criadoras de "super cepas" de patógenos ainda mais mortais


O Dr. Bossche prossegue documentando como sinais importantes já estão aparecendo e que apontam para um resultado catastrófico se as vacinações em massa continuarem. Na página 12 de sua apresentação em PDF, ele cita essas "estranhas observações" sobre a atual pandemia covid-19:

  • Curso atípico / ondas de pandemia
  • Surgimento de várias cepas muito mais infecciosas
  • Eliminação viral (de variantes mais infecciosas) em indivíduos totalmente vacinados

Como ele explica, isso significa que a vacina está acelerando a resposta adaptativa do vírus que forma novas cepas que são muito mais infecciosas e potencialmente mortais ... e que essas "super cepas" estão emergindo de "indivíduos totalmente vacinados".

Ele resume este ponto com a declaração:

As medidas de contenção em massa e a vacinação em massa em NACs aceleram o escape imune INNATE, enquanto a vacinação em massa de não NACs acelera o escape imune INNATE e ADAPTIVO .

Lembre-se: “NAC” significa “portador não assintomático” ou uma pessoa que apresenta sintomas e é portadora do patógeno.

O fenômeno de “escape imune adaptativo” significa que as vacinas estão fornecendo pressões de adaptação natural ao vírus que resultam na criação de supercepas e depois na eliminação por aqueles que já foram vacinados. No entanto, essas pessoas não são imunes às novas super-linhagens, então até mesmo os vacinados são infectados com a nova super-linhagem, talvés resultando em distubios auto imune como temos visto. E como seus sistemas imunológicos nunca tiveram a oportunidade de derrotar ativamente a primeira cepa naturalmente, eles têm muito pouca esperança de lutar contra a nova super cepa e muitas dessas pessoas morrerão. (Essa é a minha conclusão, não a do Dr. Bossche, mas seu trabalho implica esta conclusão.)

Carta aberta do Dr. Bossche à OMS que ignorou o alerta: interromper imediatamente todas as vacinações em massa da Covid-19


Geert Vanden Bossche, DMV, PhD, virologista independente e especialista em vacinas, anteriormente empregado na GAVI e na Fundação Bill & Melinda Gates.

A todas as autoridades, cientistas e especialistas de todo o mundo, a quem isto diz respeito: toda a população mundial.

Como cientista, geralmente não apelo a nenhuma plataforma desse tipo para me posicionar sobre tópicos relacionados a vacinas. Como virologista dedicado e especialista em vacinas, só faço uma exceção quando as autoridades de saúde permitem que as vacinas sejam administradas de maneiras que ameacem a saúde pública, muito certamente quando as evidências científicas estão sendo ignoradas.

A atual situação extremamente crítica obriga-me a divulgar esta chamada de emergência. Como a extensão sem precedentes da intervenção humana na pandemia Covid-19 está agora em risco de resultar em uma catástrofe global sem igual, este apelo não pode soar alto e forte o suficiente.

Conforme declarado, não sou contra a vacinação. Pelo contrário, posso garantir que cada uma das vacinas atuais foi projetada, desenvolvida e fabricada por cientistas brilhantes e competentes. No entanto, este tipo de vacinas profiláticas são completamente inapropriadas, e até altamente perigosas, quando usadas em campanhas de vacinação em massa durante uma pandemia viral.

Vacinologistas, cientistas e médicos estão cegos pelos efeitos positivos de curto prazo em patentes individuais, mas não parecem se preocupar com as consequências desastrosas para a saúde global. A menos que eu esteja cientificamente errado, é difícil entender como as atuais intervenções humanas impedirão que as variantes circulantes se transformem em um monstro selvagem.

Correndo contra o relógio, estou terminando meu manuscrito científico, cuja publicação, infelizmente, provavelmente virá tarde demais, devido à ameaça cada vez maior de variantes altamente infecciosas e de disseminação rápida. É por isso que decidi já postar um resumo de minhas descobertas, bem como meu discurso principal no recente Vaccine Summit em Ohio no LinkedIn.

Na segunda-feira passada, forneci a organizações internacionais de saúde, incluindo a OMS, minha análise da pandemia atual com base em percepções cientificamente informadas sobre a biologia imunológica de Covid-19. Dado o nível de emergência, instei-os a considerar minhas preocupações e a iniciar um debate sobre as consequências prejudiciais de mais 'escape imune viral'.

Para aqueles que não são especialistas neste campo, estou anexando a seguir uma versão mais acessível e compreensível da ciência por trás desse fenômeno insidioso.

Embora não haja tempo a perder, não recebi nenhum feedback até agora. Especialistas e políticos permaneceram em silêncio enquanto, obviamente, ainda estavam ansiosos para falar sobre o relaxamento das regras de prevenção de infecções e sobre a "liberdade na primavera". Minhas declarações não se baseiam em nada além da ciência. Eles só serão contraditos pela ciência.

Embora ninguém possa fazer afirmações científicas incorretas sem ser criticado por colegas, parece que a elite de cientistas que atualmente está aconselhando nossos líderes mundiais prefere ficar em silêncio. Provas científicas suficientes foram apresentadas.

Infelizmente, ele permanece intocado por aqueles que têm o poder de agir. Por quanto tempo se pode ignorar o problema quando há atualmente evidências massivas de que o escape imune viral está agora ameaçando a humanidade? Dificilmente podemos dizer que não sabíamos - ou não fomos avisados.

Nesta carta angustiante, coloquei toda a minha reputação e credibilidade em jogo. Espero de vocês, guardiões da humanidade, pelo menos o mesmo. É de extrema urgência. Abra o debate. Certamente: vire a maré!
Leia o resto de sua carta aberta neste link.
CONTINUE LENDO APÓS PUBLICIDADE
CONTINUE LENDO APÓS PUBLICIDADE

Compartilhe :Vacinas Covid causam a MUTAÇÃO e vai manter o feedback de vacinação e mortes por vacinas

MARCADORES [Coletividade Evolutiva] Bill gates | Ciência | Ciência e tecnologia | Coronavírus | Covid-19 | saúde | Sociedade | Sociedade e governo | Vacina | Vacinação


Autor: Fabio Allves
Criador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade e despertar. Desde meu autoconhecimento há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. Questionando as raízes que constitui aparentemente nossa “realidade”, e como o condicionamento social afeta nossa busca coletiva pela verdade em todos os aspectos da vida. Tem como objetivo trazer às informações que está livremente correndo nas mãos do público, para ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar. REDES:Telegram -Instagram -BomPerfil -Likabout