AVISO - Estamos vivendo tempos de extrema censura on-line, por isso entre para o nosso > CANAL DO TELEGRAM

Passaporte de imunidade começa dar sinal : Crivella diz que só libera praias do Rio após vacina

Crivella diz que só libera praias do Rio após vacina e vai multar em R$ 107 quem estiver na areia

Como alertamos,  passaporte da imunidade, o ID digital que conterá todos os seus dados, entrará em cena cedo ou mais tarde, para que as pessoas possam comprar, vender, trabalhar se ainda existir trabalho, voltar a escola, e viajar, em outras palavras voltar as integrações sociais. Sem o passaporte de imunidade você será até criminoso, como é o caso desse artigo como referência do que estar por vir. Segundo a mídia G1, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, diz que só libera praias do Rio após vacina e vai multar em R$ 107 quem estiver na areia, que supostamente é espaço "publico", ou seja, a máscara não serve mais como passe livre, agora é apenas por uma vacina. (Recomendado: Bill Gates exige vacinação global com marca de certificado digital de imunidade)

 Segundo Crivella a permanência de banhistas nas praias só deve ocorrer após liberação da vacina contra a Covid-19. Multas serão aplicadas a partir deste fim de semana. Apenas a prática de atividades esportivas individuais está permitida.

A partir do próximo fim de semana a prefeitura informou que irá multar os banhistas que desrespeitarem a regra de não permanecer nas praias. "Vamos multar a partir desse fim de semana em R$ 107 por crime de desobediência", advertiu o prefeito.

Inicialmente, o prefeito disse que a multa por desobediência era R$ 127. Posteriormente, a informação foi corrigida pela prefeitura. O valor correto da multa é de R$ 107.

Segundo ele, a permanência de banhistas nas areias da praia só deve ser permitida após a vacina contra a Covid-19. "Nós esperamos que a vacina chegue bem antes disso (do verão). Esses locais em que não dá para ficar de máscara tendem a ficar para depois da vacina", afirmou Crivella.

Nesta nova fase contínua permitida a prática de atividades esportivas individuais nas praias, mas a permanência de banhistas na areia está proibida.

O primeiro estágio da terceira etapa permite que bares e restaurantes sirvam clientes nas mesas, libera mais atividades na areia e permite reabertura de academias. Há, no entanto, regras que a população deve cumprir. "A fase três tinha um impacto significativo, por isso a dividimos em duas etapas".

As pessoas estarão uma contra as outras em vez de ir contra o roubo de liberdades cívicas do estado.

As pessoas estarão denunciando, umas, as outras, o que faz com que o governo, tome mais poder sobre todos. Para a prefeitura do Rio, o aumento da circulação de pessoas nas ruas não tem causado reflexo no número de casos e está dentro do planejamento. "O disk-aglomeração caiu de 12,3 mil chamados antes da fase 1, para 2 mil chamados", ressaltou Graça, que acredita que os indicadores estão favoráveis para adotar até a fase 6. (Recomendado: Os 9 principais sinais de que os brasileiros vivem em um estado opressor)

De acordo com Graça, há uma curva decrescente de óbitos no Rio, com pequena variação de uma semana para outra. "Números de casos notificados por síndrome gripal, apesar de já estamos no inverno, estão diminuindo. A partir do início do plano de retomada, a ocupação de leitos só caiu".

Estamos preocupados com a extrema censura dos gigantes da tecnologia. Por isso, incentivamos, que todos que desejam continuar a receber nosso conteúdo valioso , a se inscreverem na nossa lista de e-mail. - Depois de se increver acesse sua caixa de entrada ou de spam para confirmar.
Siga-nos nas redes para atualizaçõe apesar da censura | Instagram | Facebook |Twitter |Telegram