AVISO - Estamos vivendo tempos de extrema censura on-line, por isso entre para o nosso > CANAL DO TELEGRAM

Anthony Fauci - ignorar hidroxicloroquina para manter o genocídio de pobres, doentes e velhos

Anthony Fauci -  ignorar hidroxicloroquina para manter o genocídio de pobres, doentes e velhos

Encobrimento: O Dr. Anthony Fauci ajudou a aprovar um tratamento eficaz para infecções por coronavírus há 15 anos, mas está suprimindo-o hoje em favor de novas vacinas de alto lucro.

O conselho de especialistas do Dr. Anthony Fauci dos EUA, tem tudo a ver com controlar o comportamento humano, destruir a liberdade individual, manipular a atividade econômica, e manter o genocídio, ao mesmo tempo, em que manipula o mundo a fazer o mesmo. Esses métodos se mostraram destrutivos de várias maneiras, e o mundo está se tornando um grande laboratório cheio de cobaias humanas, cedendo suas liberdades aos governos em troca de suposta segurança, no qual, mesmo com máscara géis, entre outros, a arma biológica continua sua matança, e destruição em todos os campos da sociedade.

A única maneira de impedir que um vírus se ligue às células humanas e se multiplique é manter-se com um sistema imunológico saudável e forte. O problema com o covid-19 é que ele foi projetado para evitar a detecção pelo sistema imunológico para infectar mais prontamente o corpo. Isso pode levar o sistema imunológico a reagir exageradamente, principalmente em pessoas com condições de saúde subjacentes e deficiências imunológicas, causando a queda dos níveis de oxigênio no sangue, dificuldades respiratórias e o início de reações do tipo sepse. É por isso que os medicamentos antivirais são tão importantes, para uso em casa no início dos sintomas e em ambientes hospitalares para acelerar a recuperação e prevenir a morte.

Suprimir medicamento barato para permanecer o genocídio dos velhos, pobres e doentes - Anthony Fauci, OMS, todos sabem da eficácia da hidroxicloroquina para os coronavírus há 15 anos


Os compostos que combatem os coronavírus são bem estudados e bem documentados na literatura científica. De fato, durante o surto de coronavírus da Síndrome respiratória aguda grave (SARS-CoV-1) de 2003, uma infinidade de compostos antivirais foi posta à prova. Nos Institutos Nacionais de Saúde, dos EUA quinze anos atrás, quando Fauci ainda era diretor, os pesquisadores usaram a cloroquina efetivamente para interromper a replicação do SARS-CoV-1. A publicação oficial dos Institutos Nacionais de Saúde, dos EUA, o The Virology Journal , publicou a pesquisa de maneira direta em 22 de agosto de 2005. A pesquisa foi intitulada "A cloroquina é um potente inibidor da infecção e disseminação do coronavírus por SARS".

A cloroquina provou ser profilática e terapêutica, parando a replicação viral antes e após a exposição ao vírus. Este composto básico exibiu fortes efeitos antivirais, inibindo a infecção. A hidroxicloroquina é um derivado menos tóxico dessa molécula antiviral e pode ajudar a liberar zinco nas células, interrompendo a multiplicação viral e acelerando a recuperação.

O Institutos Nacionais de Saúde, dos EUA concluiu que "concentrações de 10 µM aboliram completamente a infecção por SARS-CoV". Além disso, "a cloroquina pode efetivamente reduzir o estabelecimento de infecção e a disseminação do SARS-CoV".

Como o novo SARS-CoV-2/ Covid-19 está geneticamente relacionado ao surto de 2003, o Institutos Nacionais de Saúde, dos EUA deveria ter aproveitado a oportunidade para promover e distribuir o que eles já sabiam que funcionava na infecção por coronavírus. Ambos os vírus infectam células humanas da mesma maneira, usando o mesmo receptor de célula hospedeira, então, porque a hidroxicloroquina não foi usado desde o início?

Porque o Dr. Anthony Fauci ignorou a Hidroxicloroquina deixando milhares para morrer?


Porque o Dr. Fauci dispensou a hidroxicloroquina repetidamente, se ele sabia a eficácia do antiviral no tratamento de infecções por coronavírus há quinze anos, por que ele não começou a promover a hidroxicloroquina desde o início da covid-19? No instituto Nacional de Saúde, dos EUA, ele paralisou os ensaios clínicos do medicamento em 9 de abril, e então desde que vários países adotaram ignorar a hidroxicloroquina, os números de mortes tem aumentado exageradamente. O Dr. Fauci suspendeu os ensaios clínicos de hidroxicloroquina, mesmo quando os médicos atuais estavam curando pacientes com coronavírus. Em 23 de março, o Dr. Vladimi Zelenko relatou uma taxa de sucesso de 100% usando hidroxicloroquina em 500 pacientes com coronavírus.

Por outro lado, o Dr. Fauci foi rápido em iniciar os ensaios clínicos de uma vacina de terapia genética de RNA através do Instituto Nacional de Saúde, dos EUA. Os testes de vacinas de Moderna receberam luz verde do Instituto Nacional de Saúde, dos EUA , muito antes dos bloqueios, em janeiro de 2020. Enquanto isso, Fauci e seus colegas estavam trabalhando para desenvolver novas vacinas e medicamentos. No auge do surto, o governador de Nova York, Andrew Cuomo, e o governador de Michigan, Gretchen Whitmer, assumiram o papel de médico mestre sobre a população e baniram a hidroxicloroquina em hospitais, privando os pacientes desse medicamento que claramente cura. Consequentemente, Michigan e Nova York apresentaram altas taxas de mortalidade em seus respectivos estados.

O Dr. Didier Raoult, especialista médico equivalente na França, usa o hidroxicloroquina para tratar pacientes infectados e teve grande sucesso, chamando-o de "game over" para o coronavírus. Portanto, se esse antiviral simples pode agir como preventivo e como um tratamento para a SARS, a atual corrida coercitiva por uma vacina é um desperdício patético de tempo, e o Dr. Fauci está no centro de um conflito de interesses convincente.

Originalmente em: Naturalnews.com
Estamos preocupados com a extrema censura dos gigantes da tecnologia. Por isso, incentivamos, que todos que desejam continuar a receber nosso conteúdo valioso , a se inscreverem na nossa lista de e-mail. - Depois de se increver acesse sua caixa de entrada ou de spam para confirmar.
Siga-nos nas redes para atualizaçõe apesar da censura | Instagram | Facebook |Twitter |Telegram