AVISO - Estamos vivendo tempos de extrema censura on-line, por isso entre para o nosso > CANAL DO TELEGRAM

O Google está censurado os sites conservadores dos resultados de pesquisa

O Google está censurado os sites conservadores dos resultados de pesquisa

Muitos dos principais veículos de notícias conservadores e alternativos do mundo tiveram suas plataformas sistematicamente removidas dos resultados de pesquisa do Google como parte do mais um recente ataque da gigante tecnológica à liberdade de expressão.

Simples assim, controle o dinheiro, que você controla o mundo, controle a informação, e você controla e manipula sociedades inteiras. O controle que está emergindo, é um plano de emburrecimento das sociedades, como objetivo de controlar não somente as nascentes, terras, animais, o ar que respiramos, o clima, mas cada pessoa, cada mente, e cada respiro de toda a humanidade, é controlar tudo e todos.

De acordo com novos relatórios, os maiores sites conservadores do mundo, o RedState , Breitbart News , Daily Caller , Human Events e muitos outros não estão mais aparecendo nas pesquisas do Google, sem explicação do gigante do Vale do Silício sobre por que isso ocorreu.

Embora a censura do Google não seja novidade para a mídia alternativa, a supressão e manipulação de resultados da pesquisa do Google não pode ser novidade para muitos, portanto muitas pessoas ainda não percebe que está ocorrendo uma censura e manipulação do que lhes é "permitido" encontrar.

Falando particularmente do Coletividade Evolutiva, posso também lhes garantir, que estamos sofrendo com essa censura em massa. Por isso que estamos pedindo, para que se inscrevam em nossa lista de e-mail, para escapar dessa falsa realidades que está sendo implementada pelos gigantes da tecnologia e redes sociais. Inscreva-se aqui.

Parece é que o Google tem aumentado os seus algoritmos de censura para extrair uma grande parte dos sites conservadores e "alt-media" de seu rastreador da Web, deixando-os em últimos resultados, e consequentemente fora da mente de muitos.

"Alguns deles têm pequenos links de sites no balão de informações da Wikipedia que são exibidos no lado direito (não todos), mas é assim que outras lojas se comparam", twittou Charlie Nash, junto com uma foto de alguns dos grandes, incluindo o New York Times e o Washington Post , aparecendo na frente e no centro.

Chris Menahan, da Information Liberation, diz que notou essa anomalia na segunda-feira à noite, por volta das 21h, quando tentou pesquisar no Google por artigos anteriores que escreveu sobre Tucker Carlson sendo "doxado" pela Antifa. Ele conectou o “site: informationliberation.com tucker antifa”, que deveria ter puxado isso para cima, e ainda assim nada apareceu.

"... nenhum artigo apareceu, apesar de eu ter escrito sobre Tucker e Antifa várias vezes", diz Menahan.

Chuck Ross, do Daily Caller, percebeu a mesma coisa ao tentar pesquisar no Google por artigos de seu jornal. Ele diz que escolheu Stefan Halper aleatoriamente como termo de pesquisa e apresentou 96 resultados diferentes do Times e WaPo . Mas, ao procurar o Daily Caller , mesmo que "provavelmente tenhamos publicado seu nome 100 vezes", escreve Ross, nada apareceu no Google.

Conforme relatado por 
Chris Menahan,  muitos sites,  parecem ter sido afetados por essa nova varredura de censura. Mas os “meios de comunicação convencional” que é controlada pela força do dólar, portanto, trabalha para os seus patrões internacionais,  “parecem não ser prejudicados”, pelo contrário, são elevados.
Estamos preocupados com a extrema censura dos gigantes da tecnologia. Por isso, incentivamos, que todos que desejam continuar a receber nosso conteúdo valioso , a se inscreverem na nossa lista de e-mail. - Depois de se increver acesse sua caixa de entrada ou de spam para confirmar.
Siga-nos nas redes para atualizaçõe apesar da censura | Instagram | Facebook |Twitter |Telegram