Três Fatores de Risco Comuns: Cigarro, Álcool e Vacinas mRNA

Se você já se perguntou sobre os perigos do vício em cigarro, alcoolismo e as vacinas de mRNA, a resposta pode ser mais sombria do que você imagina.

Três Fatores de Risco Comuns: Cigarro, Álcool e Vacinas mRNA

Se você já se perguntou sobre os perigos do vício em cigarro, alcoolismo e as vacinas de mRNA, a resposta pode ser mais sombria do que você imagina. Além de suas diferenças óbvias, como causa e forma de consumo, esses três elementos compartilham um fator alarmante: todos eles podem desencadear inflamação crônica, aumentar o risco de câncer, afetar a respiração e até mesmo levar à morte prematura.

Além disso, uma montanha de pesquisas revela que beber três ou mais bebidas alcoólicas diariamente aumenta o risco de câncer de pâncreas, câncer de estômago e câncer de próstata. Todas as bebidas alcoólicas se enquadram neste guarda-chuva, incluindo vinhos brancos e tintos, cerveja e licor.

Na verdade, o Dr. Charles Hoffe, um médico da Colúmbia Britânica, fez exames de PET/CT em pacientes com câncer que haviam recebido a dose de reforço de mRNA da Pfizer apenas oito dias antes, e o que ele encontrou vai surpreender.

O Dr. Hoffe descobriu a rápida progressão do linfoma de células T, um aumento dramático de lesões gastrointestinais e um efeito turbo de disseminação de células nos gânglios linfáticos sob os braços perto das axilas. Também conhecido como turbo câncer, a causa são as proteínas spike que se agarram às paredes internas dos vasos sanguíneos, se depositando em órgãos vitais e se juntando para formar coágulos brancos estranhos, fibrosos e emborrachados em todo o corpo humano e cérebro.

1. Cigarro: Uma Fonte Conhecida de Câncer e Inflamação


Os efeitos nocivos do tabagismo no corpo humano são bem documentados. A combinação de substâncias químicas presentes nos cigarros comerciais, como amônia, água sanitária, formaldeído e pesticidas, resulta em uma fumaça altamente tóxica. 

Essa fumaça não apenas causa inflamação crônica nos tecidos do corpo, mas também contém nicotina, que contrai os vasos sanguíneos, aumentando a pressão sobre o coração e o sistema nervoso central. Além disso, o tabagismo é um fator de risco significativo para uma variedade de tipos de câncer, podendo afetar praticamente qualquer parte do corpo.

2. Álcool: Um Contribuinte para o Câncer e Doenças Crônicas


O consumo excessivo e regular de álcool também está associado a sérios problemas de saúde, incluindo inflamação crônica e aumento do risco de câncer. Estudos demonstraram que beber três ou mais bebidas alcoólicas diariamente pode aumentar significativamente o risco de câncer de pâncreas, estômago e próstata. 

Todos os tipos de bebidas alcoólicas, desde vinhos brancos e tintos até cerveja e licor, estão relacionados a esse risco, destacando a importância da moderação no consumo de álcool para a saúde.

3. Vacinas de mRNA: Uma Nova Preocupação


Recentemente, as vacinas de mRNA, desenvolvidas para proteger contra a COVID-19, surgiram como uma fonte de preocupação devido aos potenciais riscos à saúde. 

O Dr. Charles Hoffe, um médico da Colúmbia Britânica, observou uma série de efeitos preocupantes em pacientes que receberam essas vacinas, incluindo a rápida progressão do linfoma de células T e o aumento de lesões gastrointestinais. Esses resultados apontam para o potencial das proteínas spike presentes nas vacinas mRNA de contribuir para o desenvolvimento e disseminação do câncer.

Combater a Inflamação Crônica: Uma Prioridade para a Saúde


A inflamação crônica é reconhecida como um dos principais fatores de risco para uma série de doenças e distúrbios crônicos. Tanto o tabagismo quanto o consumo excessivo de álcool têm sido associados a esse estado inflamatório persistente, enquanto as vacinas de mRNA também têm sido implicadas como potenciais desencadeadores da inflamação crônica. Portanto, é essencial abordar e reduzir esses fatores de risco para promover a saúde a longo prazo.


Conclusão


É crucial que as pessoas estejam cientes dos potenciais riscos à saúde associados ao tabagismo, consumo excessivo de álcool e vacinas de mRNA. Ao compreender os efeitos desses fatores de risco, os indivíduos podem tomar medidas para proteger sua saúde e bem-estar. Priorizar a moderação, adotar estilos de vida saudáveis e buscar informações confiáveis sobre saúde são passos importantes para mitigar esses riscos e promover uma vida longa e saudável.
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Sugestão de suplemento

Postar um comentário

0 Comentários

Fechar Menu