6 Melhores agentes antidepressivos naturais que apoiam o humor e bem-estar

Se o seu humor precisa de um impulso, estes seis agentes antidepressivos naturais podem ajudar a melhorar o seu bem-estar


6 Melhores agentes antidepressivos naturais que apoiam o humor e bem-estar

A depressão descreve um período de pelo menos duas semanas, durante o qual você experimenta um humor deprimido, perde o interesse em atividades diárias ou experimenta uma combinação de outros sintomas, como problemas para dormir, problemas para comer ou diminuição da energia, concentração ou sentimentos de autoestima.

Os antidepressivos são tratamentos voltados para combater estados depressivos, ou seja, eles atuam no controle de neurotransmissores do sistema nervoso central. Popularmente, são denominados como antidepressivos os remédios psiquiátricos que combatem transtornos de depressão, ansiedade, hiperatividade, esquizofrenia, distúrbio do sono, entre outros.

Contudo, até mesmo atividades físicas e terapias naturais são considerados antidepressivos. No entanto, esses remédios não são uma cura, são altamente químicos e vem com eles muitos eventos adversos ou mesmo grave que podem até mesmo agrava a situação para outras doenças neurológicas.

Estes remédios estão indicados para depressão moderada ou grave, quando se manifestam sintomas como tristeza, angústia, alterações do sono e do apetite, cansaço e sensação de culpa, que interferem no bem-estar da pessoa.

Inúmeras outras pessoas experimentam sentimentos de tristeza e melancolia regularmente, o que também pode interferir na produtividade, nos relacionamentos e no bem-estar geral. Se você luta contra a depressão grave, você deve procurar ajuda profissional, pois a terapia cognitivo-comportamental é muitas vezes eficaz. No entanto, há também uma riqueza de compostos na natureza que têm atividades antidepressivas.

6 Antidepressivos naturais


Quando você precisa de suporte de humor natural, os seguintes compostos naturais podem ser benéficos.

1. Açafrão

Esta antiga especiaria - valorizada por suas propriedades medicinais por mais de 4.000 anos - contém compostos conhecidos por alterar mecanismos neurobiológicos, incluindo vias moduladoras relacionadas a neurotransmissores e afetando a regulação do sistema imunológico, inflamação, estresse oxidativo, o eixo hipotálamo-hipófise-adrenal (HPA) e neurotrofinas, que medeiam a sobrevivência e regeneração neuronal.

Quando comparado com placebo, o açafrão funciona melhor para melhorar os sintomas depressivos em pessoas com depressão leve a moderada. Também funcionou bem como antidepressivos sintéticos, de tal forma que os pesquisadores que escreveram no The Journal of Nervous and Mental Disease concluíram: "que pode ser considerado como uma alternativa aos antidepressivos sintéticos no tratamento da depressão leve a moderada".

2. Chá Verde

Catequinas no chá verde foram encontradas para diminuir os sintomas depressivos em estudos com animais, possivelmente inibindo a monoamina oxidase, Uma enzima que remove os neurotransmissores serotonina, dopamina e noradrenalina no cérebro.

As catequinas do chá verde podem aumentar os níveis de noradrenalina e dopamina, ajudando a combater a depressão, enquanto a teanina, um aminoácido do chá verde, tem efeitos anti-stress, ajudando ainda mais a reduzir os sintomas depressivos. Em uma revisão sistemática e metanálise, o alto consumo de chá verde foi associado a um menor risco de sintomas depressivos.

3. Óleo Essencial de Lavanda

O óleo essencial de lavanda, que é extraído das flores e talos da planta de lavanda, contém mais de 160 substâncias. Na Alemanha, um óleo essencial de lavanda patenteado conhecido como Silexan é aprovado para o tratamento oral da ansiedade e, em pacientes com ansiedade e sintomas depressivos, Silexan exibiu propriedades antidepressivas.

A aromaterapia de lavanda também reduziu os sintomas de depressão em uma revisão sistemática e meta-análise, enquanto pesquisadores da Universidade de Ciências Médicas de Mazandaran, no Irã, chamaram a aromaterapia com óleo essencial de lavanda de "um método complementar, simples e barato para melhorar a depressão leve e moderada".

4. Cacau e Chocolate Amargo

Consumir produtos ricos em cacau pode melhorar o humor a curto prazo, Ao comer chocolate amargo também está associado à redução das chances de sintomas depressivos.Em 2012, os pesquisadores descobriram que comer 50 gramas (cerca de 1,76 onças) de chocolate amargo, contendo 70% de cacau, por três dias estava associado a uma melhora significativa no humor deprimido.

O cacau e o chocolate amargo são ricos em polifenóis, que podem afetar o comportamento e o humor devido às suas propriedades antidepressivas, bem como sua capacidade de atenuar o estresse oxidativo e a inflamação, que podem desempenhar um papel no início e progressão da depressão.

5. Gorduras Omega-3

A suplementação com ácidos graxos ômega-3, incluindo o ácido eicosapentaenoico (EPA) e o ácido docosahexaenóico (DHA), pode efetivamente reduzir os sintomas da depressão. O consumo moderado de peixes ricos em gorduras ômega-3 ou ômega-3 também está associado a uma menor prevalência de depressão.

Os efeitos anti-inflamatórios do ômega-3 provavelmente estão envolvidos em suas ações semelhantes a antidepressivos, já que até 50% das pessoas com depressão têm níveis mais altos de citocinas pró-inflamatórias que podem estar envolvidas na regulação do eixo HPA, no metabolismo de neurotransmissores ou na composição da microbiota intestinal.

6. Probióticos

Sua microbiota intestinal e sistema nervoso central se comunicam através do eixo cérebro-intestino-microbioma, e vários estudos apoiam a noção de que modificar seu microbioma intestinal com bactérias benéficas, ou probióticos, pode melhorar seu humor.

Em um estudo de 10 pacientes (Tabela) com um episódio atual de transtorno depressivo maior (TDM), a suplementação com probióticos por oito semanas reduziu os sintomas depressivos e a ansiedade, aumentando o humor geral e a qualidade do sono. Em outro exemplo, (Tabela ) 40 pessoas com TDM que tomaram probióticos por 90 dias tiveram uma redução nos sintomas clínicos de depressão, juntamente com um aumento na qualidade do sono.

Em um estudo de 2021 publicado na Current Pharmaceutical Biotechnology, pesquisadores da Universidade de Ciências Médicas de Tabriz, no Irã, concluíram: "Probióticos e prebióticos podem melhorar a função mental por meio de vários mecanismos ... Probióticos e prebióticos podem melhorar a saúde mental e a função psicológica e podem ser oferecidos como novos medicamentos para transtornos mentais comuns."

Lembre-se, estes são apenas seis exemplos dos compostos que aumentam o humor encontrados na natureza. Para obter mais opções, incluindo ações terapêuticas como yoga, acupuntura e treinamento de atenção plena, consulte o banco de dados completo de pesquisa de depressão do GreenMedInfo.com.

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Suplemento Multivitamínico

Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.