Coletividade Evolutiva , Este vegetal pode prevenir o surgimento de doenças cardiovasculares, diabetes e câncer. , Bem-estar , Vida saudável ,

Este vegetal pode prevenir o surgimento de doenças cardiovasculares, diabetes e câncer.

O vegetal é famoso por ser rico em nutrientes, e vários estudos já demonstraram que seu consumo ajudaria a prevenir tumores e inflamações


Este vegetal pode prevenir o surgimento de doenças cardiovasculares, diabetes e câncer.

Entre os vegetais que estão abundantemente disponíveis nas feiras e mercados está a couve-flor. Ela pertence à família dos crucíferos, que inclui também outros vegetais, como brócolis, couve-de-bruxelas, mostarda e rabanete. 

A couve-flor é uma hortaliça rica em glicosinolatos, sulforafanos e isotiocianatos, que são compostos bioativos com potente ação antioxidante e anti-inflamatória, ajudando a prevenir o surgimento de doenças cardiovasculares, diabetes e câncer.

Além disso, a couve-flor também ajuda no emagrecimento, já que contém boas quantidades de fibras que ajudam a aumentar a sensação de saciedade, controlando a fome ao longo do dia. O vegetal é famoso por ser rico em nutrientes, e vários estudos já demonstraram que seu consumo ajudaria a prevenir tumores e inflamações, além de reduzir os níveis de colesterol e pressão arterial.

A couve-flor possui poder purificante, mineralizante e promove a regeneração dos tecidos. Graças ao seu baixo teor calórico (25 kcal/100 g) e ao seu elevado poder saciante, é também um prato ideal para incluir em dietas de emagrecimento.

Protege o coração

Graças ao bom teor de glucorafanina, desempenha um papel importante na promoção da saúde cardiovascular. Ela também contém a forma ativa do sulforafano, que demonstrou melhorar a pressão arterial e a função renal. Por fim, a presença da alicina ajuda a manter o coração saudável, mantendo os níveis de colesterol baixos e reduzindo o risco de ataque cardíaco e acidente vascular cerebral.

A couve-flor contém vitamina C, glicosinolatos, isotiocianatos e sulforafanos, que são compostos bioativos com ação antioxidante e anti-inflamatória que melhoram a saúde das artérias e a circulação de sangue, prevenindo doenças como derrame e pressão alta.

Combate tumores

Como todos os vegetais pertencentes à família das crucíferas, a couve-flor é um importante aliado contra o câncer graças à presença de sulforafano e flavonóides. 
A couve-flor é rica em antioxidantes como vitamina C e sulforafanos, que são compostos bioativos que protegem as células saudáveis contra os danos causados pelos radicais livres, ajudando na prevenção do surgimento do câncer.

De acordo com o Cancer Research UK, ela é capaz de prevenir a formação de células malignas e, se estiverem presentes, inibe a sua reprodução. Isto é confirmado por numerosos estudos que identificaram indóis e isotiocianatos na couve-flor, compostos muito úteis no tratamento de tumores de mama, bexiga, fígado, pulmão ou próstata em particular.

Melhora o sistema imunológico

De acordo com estudos, consumir couve-flor branca pelo menos duas vezes por semana fornece ao corpo uma boa quantidade de vitaminas que estimulam o sistema imunológico.

Devido ao seu alto teor de vitamina C, a couve-flor fortalece o sistema imunológico, porque melhora as funções das células de defesa no organismo, ajudando a combater vírus, bactérias e fungos.

Neutraliza a anemia

O bom teor de ferro e a importante presença de vitamina C ajudam a facilitar a absorção do ferro pelo organismo e, portanto, a combater a anemia. 
Devido ao seu alto teor de vitamina C, a couve-flor fortalece o sistema imunológico, porque melhora as funções das células de defesa no organismo, ajudando a combater vírus, bactérias e fungos.

Combate a prisão de ventre

Graças às fibras, o vegetal promove o correto funcionamento do aparelho digestivo e facilita a regularidade intestinal. A couve-flor combate a prisão de ventre por ser rica em fibras que estimulam os movimentos do intestino e deixam as fezes mais macias, facilitando a evacuação. Conheça outros alimentos que combatem a prisão de ventre.

É adequada para diabéticos e celíacos

A ausência de glúten torna a couve-flor adequada também para os celíacos. Além disso, suas propriedades ajudam a controlar os níveis de açúcar no sangue.

As fibras, que são presentem em ótimas quantidades na couve-flor, aumentam o tempo de absorção dos carboidratos dos alimentos, controlando os níveis de glicose no sangue e evitando, assim, a resistência à insulina e a diabetes.

Melhora o sono e humor

O triptofano e a vitamina C, que estão presentes em boas quantidades na couve-flor, participam da produção de serotonina e dopamina, que são neurotransmissores que melhoram o sono, o humor, o prazer e o bem-estar geral.

Mantém a saúde dos ossos

Por conter fósforo e vitamina K, a couve-flor ajuda na fixação do cálcio, mantendo a saúde dos ossos e prevenindo situações como osteopenia e osteoporose.

Contra-indicações

Por conter muitas purinas, que podem se transformar em ácido úrico, a couve-flor não deve ser consumida por quem sofre de gota ou pedras. Já quem sofre de síndrome do intestino irritável deve consumir o vegetal com moderação, pois, em excesso, pode causar inchaço.

A couve-flor tem efeito laxativo e favorece a formação de gases e, por isso, não é indicada para pessoas que estão com diarreia ou excesso de gases.

Além disso, por conter glucosinolatos, compostos que podem diminuir a produção de hormônios na tireoide, a couve-flor deve ser consumida com moderação por quem tem problemas na tireoide.

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR