Estes são os cuidados que você deve ter para evitar um AVC

O AVC é uma doença que acomete mais os homens e é uma das principais causas de morte, incapacitação e internações em todo o mundo


Estes são os cuidados que você deve ter para evitar um AVC

Um Acidente Vascular Cerebral (AVC) é um evento médico sério que pode ter consequências graves, com risco de morte. No entanto, muitos AVCs podem ser prevenidos com a adoção de cuidados adequados e a atenção aos fatores de risco.

Veja abaixo algumas medidas essenciais que você pode adotar para diminuir a probabilidade de ter um AVC:

1. Controle a pressão arterial


A hipertensão arterial (pressão alta) é um dos principais fatores de risco para AVC. Portanto, é crucial monitorar regularmente sua pressão arterial. Consulte seu médico para avaliar seus níveis de pressão arterial e seguir as orientações para mantê-la dentro dos limites saudáveis.

Os valores recomendados devem ficar entre 120-130 para o máximo e 80-85 para o mínimo. Quando esses valores ultrapassam 140 para o máximo e 90 para o mínimo, o risco de acidente vascular cerebral isquêmico aumenta. Para prevenir o AVC, a pressão arterial baixa é a condição mais desejável.

2. Abandone o cigarro


Sabe-se que fumar danifica as paredes dos vasos sanguíneos, facilita a agregação de plaquetas e facilita a formação de placas que podem bloquear as veias e causar acidentes vasculares cerebrais. Por isso, parar de fumar é uma das ações mais importantes que você pode tomar para reduzir esse risco.

3. Controle o diabetes


Para pessoas com diabetes, manter os níveis de açúcar no sangue sob controle é vital. Siga um plano de tratamento recomendado pelo seu médico, que inclui dieta adequada, exercícios e, se necessário, medicação.

4. Gerencie seu colesterol


Altos níveis de colesterol estão ligados a um maior risco de AVC. Adote uma dieta saudável, rica em fibras e gorduras saudáveis, e mantenha seu colesterol sob controle com a orientação médica.

5. Nutrição saudável e atividade física


Uma alimentação equilibrada, com foco em frutas, vegetais, grãos integrais e proteínas magras, é essencial. Por outro lado, devem ser evitadas as gorduras de origem animal presentes em alimentos como as carnes, que devem ser consumidas em pequenas quantidades e de preferência brancas, ou os lacticínios. 

 Mas não só isso. Esta restrição aplica-se também a doces e bebidas alcoólicas. Combine isso com a prática regular de exercícios para controlar o peso e melhorar sua saúde cardiovascular.

6. Beba com moderação


Se você consome álcool, faça-o com moderação. Limitar-se a uma bebida por dia para mulheres e até duas para homens é uma diretriz razoável.

7. Controle o peso


A obesidade e o excesso de peso são importantes fatores de risco, principalmente nos casos de AVC isquêmico. Por isso, manter um peso saudável, com um estilo de vida menos sedentário e uma alimentação mais saudável são atitudes tão importantes.

8. Reduza o consumo de sal


Evite alimentos processados ricos em sódio, pois o sal em excesso na dieta pode elevar a pressão arterial.

9. Faça exames médicos regulares


Consulte seu médico regularmente para avaliar seu estado de saúde, verificar fatores de risco e discutir medidas de prevenção personalizadas.

Sintomas de AVC


De acordo com o Ministério da Saúde, existem alguns sinais que o corpo dá que ajudam a reconhecer um Acidente Vascular Cerebral. Os principais sinais de alerta para qualquer tipo de AVC são:

  • fraqueza ou formigamento na face, no braço ou na perna, especialmente em um lado do corpo;
  • confusão mental;
  • alteração da fala ou compreensão;
  • alteração na visão (em um ou ambos os olhos);
  • alteração do equilíbrio, coordenação, tontura ou alteração no andar;
  • dor de cabeça súbita, intensa, sem causa aparente.

Referência: Catraca Livre
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Uma pequena pausa antes de continuar


Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.