Coletividade Evolutiva , Cientistas do Reino Unido preparam-se para "próxima pandemia" ao desenvolver vacina para a 'doença X' desconhecida , Coronavírus , Mundo , Pandemias , saúde ,

Cientistas do Reino Unido preparam-se para "próxima pandemia" ao desenvolver vacina para a 'doença X' desconhecida

O ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair diz que "algumas das vacinas serão lançadas e serão múltiplas", é terá uma infraestrutura digital.


Cientistas do Reino Unido preparam-se para "próxima pandemia" ao desenvolver vacina para a 'doença X' desconhecida

Cientistas do Reino Unido em um laboratório governamental de alta segurança começaram a desenvolver vacinas para uma possível futura pandemia. Duzentos cientistas estão atualmente trabalhando em vacinas contra uma "Doença X" desconhecida no laboratório Porton Down, em Wiltshire, Inglaterra, de acordo com uma reportagem da Sky News.

O laboratório de alta segurança era uma instalação de testes para injeções contra novas variantes da COVID, e "agora eles estão estendendo esse trabalho, para dar conta do que pode ser a próxima pandemia", afirmou o repórter da Sky News Thomas Moore em uma reportagem em vídeo.

"Eles não sabem o que será, um vírus ou bactéria, ou algum outro patógeno, então é apenas chamado de doença X", explicou Thomas Moore.

A gripe aviária é considerada a candidata mais provável a causar a "próxima pandemia" pelos cientistas que trabalham no laboratório. Além disso, eles estão desenvolvendo vacinas contra um possível surto de varíola dos macacos e hantavírus, uma doença que ocorre principalmente em roedores.

O laboratório teria desenvolvido com sucesso "a primeira vacina do mundo contra a febre hemorrágica da Crimeia-Congo, uma doença que é transmitida por carrapatos e tem uma taxa de letalidade de 30%". A doença tropical é vista como uma potencial ameaça pandêmica global, já que está se tornando mais comum na Europa devido às "mudanças climáticas", de acordo com o relatório de Thomas Moore.

"Eles estão examinando o horizonte em busca de linhas para tentar desenvolver vacinas que possam ser necessárias no futuro", disse o jornalista da Sky News. "Eles vão tê-los na prateleira se você quiser, se houver um surto, eles podem retirá-los e desenvolver uma vacina dentro de cem dias. Agora tenha em mente que levou 360 dias para desenvolver uma vacina COVID e isso foi extraordinariamente rápido. Da próxima vez, eles vão ser mais rápidos ainda, porque a COVID realmente nos ensinou que uma pandemia pode se espalhar pelo mundo muito rapidamente."

A professora Jenny Harries, chefe da Agência de Segurança de Saúde do Reino Unido, disse à Sky News que desenvolver uma vacina dentro de 100 dias "seria inédito".

"Normalmente, levaria cinco ou 10 anos", disse Harries. "Para a Covid foram em torno de 360 dias. Portanto, esta é uma ambição muito alta. Mas para alguns vírus, é definitivamente possível."

Globalistas se preparam para uma nova pandemia


Desde o surto de coronavírus em 2020 e as subsequentes políticas draconianas de lockdown, líderes globais como Bill Gates têm alertado continuamente sobre a "próxima pandemia".

Durante um painel de discussão do Fórum Econômico Mundial (WEF) de 2023, intitulado "100 dias para superar a próxima pandemia", o ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair previu que as vacinas para futuras pandemias exigirão "várias doses". Blair pediu infraestrutura digital "para saber quem foi vacinado e quem não foi".


Poucos meses depois, a União Europeia (UE) e a Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciaram uma parceria para criar um "sistema global" de passaportes de vacina baseado no "sistema de certificação digital COVID-19" da UE.

Além disso, o chefe de uma "unidade de nudge" empregada pelo governo do Reino Unido durante a crise da Covid disse em uma entrevista recente que lockdowns seriam aceitos pela população em futuras pandemias porque as pessoas já "sabem o que é o exercício".

O professor David Halpern, da Behavioural Insights Team (a "unidade de nudge"), admitiu que sua agência usou manipulação psicológica para estimular a população e defendeu o uso de mensagens baseadas no medo "em circunstâncias extremas". Ele disse que prompts visuais e slogans cativantes podem ser usados para orientar as pessoas se elas "forem calibradas incorretamente". - Relatou o Life Site News

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR