Coletividade Evolutiva , Moeda Digital, ferramenta de coerção e controle: Deputado pede que Congresso criminalize CBDCs , Ciência e tecnologia , Tecnologia ,

Moeda Digital, ferramenta de coerção e controle: Deputado pede que Congresso criminalize CBDCs

Um representante dos Estados Unidos pediu ao Congresso que proíba e "criminalize" as moedas digitais de bancos centrais (CBDCs)


Moeda Digital, ferramenta de coerção e controle: Deputado pede que Congresso criminalize CBDCs

Um representante dos Estados Unidos pediu ao Congresso que proíba e "criminalize" as moedas digitais de bancos centrais (CBDCs), condenando-as como uma "ferramenta de coerção e controle". De acordo com relatórios preocupantes, a 
ideia de uma CBDC como "dinheiro programável controlado pelo governo",  pode ser "facilmente armado contra os cidadãos em uma ferramenta de vigilância", ganhando força dentro de setores do poder dos governos.

"O Federal Reserve está construindo o equivalente financeiro da Estrela da Morte", tuitou o deputado Warren Davidson (R-OH) no domingo, enquanto postava uma captura de tela de uma posição anunciada de "Sr. Crypto Architect" para projetar a tecnologia CBDC com o Federal Reserve Bank de São Francisco.

"A Moeda Digital do Banco Central (CBDC) corrompe o dinheiro em uma ferramenta de coerção e controle". "O Congresso deve proibir rapidamente qualquer esforço para projetar, construir, desenvolver, testar ou estabelecer um #CBDC", continuou Davidson, acrescentando

O congressista continuou citando a descrição do cargo, que sugeriu que o Conselho de Governadores do Federal Reserve, que supervisiona todos os doze bancos do Federal Reserve nos EUA e ajuda a executar a política monetária dos EUA, pode exigir a implementação de uma CBDC.

"Você vai se envolver diretamente com a gestão... e fornecedores para garantir que o Federal Reserve esteja bem posicionado para projetar, desenvolver e implementar tecnologia para apoiar uma CBDC, conforme exigido pelo Conselho de Governadores", diz a lista de empregos publicada no Indeed.

Um usuário do Twitter objetou que "apoiar uma proibição de CBDCs é simplesmente uma falta de compreensão do que são e do que devem ser", sugerindo que garantir "privacidade" e outras "proteções ao consumidor" são suficientes para tornar as CBDCs aceitáveis.

Davidson argumentou em resposta que "o dinheiro não deve ser programável por uma autoridade central" e não deve exigir "permissão" para transações.

Eswar Prasad, professor sênior de política comercial da Universidade Cornell, admitiu recentemente durante uma reunião de verão do Fórum Econômico Mundial (WEF) que as CBDCs podem ser usadas pelos governos para controlar as compras, e confessou que vê esse poder como um desenvolvimento positivo.

"Você poderia ter, como argumento em meu livro, um mundo potencialmente melhor – alguns podem vê-lo como um mundo mais sombrio – onde o governo decide que unidades de dinheiro do banco central podem ser usadas para comprar algumas coisas, mas não outras coisas que considere menos desejáveis, como munição ou drogas ou pornografia ou algo do tipo. " Prasad disse. " E isso é muito poderoso em termos do uso de uma CBDC."

O governo dos EUA já declarou que está fazendo de tudo para desenvolver e emitir uma CBDC. A Ordem Executiva 14067, emitida em 9 de março de 2022, declarou que o governo Biden "coloca a mais alta urgência nos esforços de pesquisa e desenvolvimento nas opções potenciais de design e implantação de uma CBDC dos Estados Unidos" e pediu uma análise de suas "implicações potenciais".

Embora os anúncios da Casa Branca não indiquem quando tal CBDC seria desenvolvida e implementada, o consultor financeiro Joe Brown está alertando que a infraestrutura para uma CBDC dos EUA já está sendo silenciosamente desenvolvida na forma de um serviço de pagamentos instantâneos digitais chamado FedNow / Algo como Transação instantânea.

Em 15 de março, o Federal Reserve anunciou que o FedNow seria lançado em julho de 2023. O FedNow permite "liquidação 24 horas por dia, 7 dias por semana... Isso acontece instantaneamente de banco para banco."

"Essa infraestrutura ignora muito da necessidade da infraestrutura bancária atual, que é o propósito de uma moeda digital de banco central", explicou Brown em seu blog de vídeo, argumentando que o FedNow abre caminho para uma CBDC ao fazer com que todos "abram uma conta diretamente com o Federal Reserve, o banco central..."

"Isso transforma o propósito de todo o sistema bancário realmente em infraestrutura para a CBDC", continuou Brown, observando que isso "centralizaria tudo sob o mesmo teto".

"E uma vez que esse sistema é construído, uma vez que todas as dobras são trabalhadas fora do sistema... então eles terão a base no lugar para construir a Gen 2, a Versão 2 CBDC em cima dela. A única coisa que restaria a fazer seria fazer com que todos abrissem uma conta diretamente no Fed."

Os esforços do Congresso para proibir uma CBDC foram lançados recentemente pelo líder da maioria na Câmara dos EUA, Tom Emmer (R-MN), e pelo senador Ted Cruz.

Em fevereiro, Emmer apresentou que a CBDC Anti-Surveillance State Act, copatrocinada por Davidson e outros republicanos, para "interromper os esforços" das autoridades de DC para emitir uma CBDC que "retira dos americanos seu direito à privacidade financeira".

O líder da maioria alertou em 9 de março no Cato Institute, um libertário com sede em DC, que a ideia de uma CBDC como "dinheiro programável controlado pelo governo" que pode ser "facilmente armado em uma ferramenta de vigilância" está ganhando força dentro de setores do poder no país.

Ao comentar a legislação proposta por Emmer, o deputado French Hill (AR-R) apontou que o governo federal não tem autoridade para emitir uma CBDC "sem aprovação explícita do Congresso".

Cruz enfatizou esse ponto na legislação que introduziu em março para proibir uma CBDC, semelhante à de Emmer.

No entanto, o presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, sugeriu que poderia haver uma tentativa de contornar essa autorização do Congresso, afirmando que "idealmente" uma lei seria aprovada para autorizar uma CBDC "em vez de tentarmos interpretar nossa lei para permitir isso".

O governador da Flórida, Ron DeSantis, corrigiu publicamente a declaração de Powell, apontando que a aprovação do Congresso não é apenas "ideal", mas necessária. DeSantis prometeu banir as CBDCs se for eleito presidente. Relatou o Life Site News

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR