Coletividade Evolutiva , A armadilha “moeda digital/ e PIX”: O trampolim para confiscar ativos à vontade e escravizar a humanidade , Ciência , Ciência e tecnologia , Governo , Ivermectina , Nova ordem mundial , Sociedade , Sociedade e governo , Tecnologia ,

A armadilha “moeda digital/ e PIX”: O trampolim para confiscar ativos à vontade e escravizar a humanidade

O PIX é apenas um trampolim para a implementação de uma moeda digital, e é o fim do jogo para a humanidade.


A armadilha “moeda digital/ e PIX”: O trampolim para confiscar ativos à vontade e escravizar a humanidade

O PIX é apenas um trampolim para a implementação de uma moeda digital, e é o fim do jogo. Não importa de que lado do espectro político você caia, esta será a escravização permanente e inevitável que as classes dominantes do globo precisam desesperadamente para permanecer no poder. Você não possuirá nada, enquanto um punhado de pessoas possuirá tudo. 
No Brasil, o Banco Central (BC) já deu início à fase de testes antes do lançamento do Real Digital, que será a moeda virtual oficial do Brasil, as promessas, como sempre, são boas, mas o aspecto tenebroso e mais profundo você descobrirá lendo esse artigo.

Você existirá se eles permitirem, será roubado/ cancelado/ indigente se eles não gostarem do que você disser ou não obedecer tudo quanto eles exigirem, e será governado em uma distopia que torna nossa situação atual pálida em comparação. Tenha em mente que poderão exigir vacinas, microchip, implantes cerebrais... etc - em um futuro breve. À medida que nos aproximamos de 2030, o meme da “identidade digital como um direito humano” está sendo cada vez mais plantado nas mentes das massas. 

Sem dúvida, o esquema de identificação digital também estará vinculado a uma carteira digital que contém a Moeda Digital do Banco Central local (CBDC), a moeda digital dos governos que será necessária para todas as transações legais. Eventualmente, esse ID digital e a carteira digital serão conectados e afetados por sua pontuação de crédito social individual.

Por exemplo: Um “relatório” publicado no site da Casa Branca dos Estados Unidos, pede a criação de um “dólar digital” que, claro, será controlado pela classe dominante. Assim como o Federal Reserve atualmente tem o único papel e responsabilidade de desenvolver e imprimir moeda fiduciária com a qual eles já controlam a população até certo ponto. 

Mas a diferença aqui é que se todo o dinheiro fosse digital (apenas números na tela ou pontuação de crédito), o governo e os bancos centrais seriam o mesmo. Eles poderiam (e iriam) monitorar nossas contas bancárias; monitorar todas as nossas transações; impor barreiras à compra de certos itens “desfavorecidos” e até mesmo bloquear o acesso ao nosso dinheiro ou limitar o quanto poderíamos gastar.

Eles pegarão o que quiserem e cortarão sua capacidade de gastar pelo tempo que quiserem.


“Uma moeda digital do banco central dos Estados Unidos (CBDC) seria uma forma digital do dólar americano. Embora os EUA ainda não tenham decidido se vão buscar um CBDC, os EUA têm examinado de perto as implicações e opções para a emissão de um CBDC”, observa o documento de política da Casa Branca antes de divulgar os “benefícios” do dólar digital.

Claro, eles decidiram prosseguir com isso. Todos nós já deveríamos saber que eles precisarão controlar totalmente a humanidade se quiserem permanecer no poder. Esperançosamente, um número suficiente de pessoas verá isso e a agenda falhará.

“Na Cúpula para a Democracia do ano passado, o presidente Biden falou sobre a importância de usar a tecnologia 'para promover democracias para elevar as pessoas, não para derrubá-las'. Se os EUA lançarem sua própria CBDC, devem promover essa visão democrática”, escreveram os autores.

Como relatamos desde março de 2020, essas iniciativas já estavam em andamento antes do COVID-19. No entanto, foi o início do pânico do COVID-19 que permitiu que os governos de todo o mundo avançassem em sua visão da Tecnocracia. (Relacionado: Escravidão digital: Moedas digitais controlará a vida social, privacidade e a humanidade... em seguida microchip?)

Por exemplo, fomos informados de que o uso de dinheiro deve ser bastante reduzido ou totalmente eliminado por causa de relatórios que afirmam que o COVID-19 se espalhou por meio de dinheiro antigo sujo. Isso leva convenientemente às chamadas para programas de moeda digital, como CBDCs.

Uma iminente "moeda" mundial ja está em andamento em: Israel, Noruega e Suécia, testarão "moedas digitais do banco central" para transações internacionais.

No episódio “The JD Rucker Show”, o apresentador JD Rucker observou que este é um dos primeiros projetos testando moedas digitais do banco central em grande escala com tantas nações ocidentais. Rucker apontou que os moedas digitais do banco central são comumente testados fora do mundo ocidental, e o sucesso deste projeto pode inaugurar uma moeda mundial.

“Eles sabem o que isso significa”, disse Rucker sobre os funcionários do governo que pressionam os moedas digitais do banco central. “Eles sabem que isso significa perder a privacidade, estar sob vigilância. Eles sabem que isso significa que as pessoas perderão suas liberdades e sabem que sua nação perderá sua soberania econômica a longo prazo”.
“Eles sabem disso, mas estão avançando porque é o que eles querem”, acrescentou. “Eles querem controle… eles querem ideias globalistas. Eles querem que a Grande Reinicialização aconteça.”

Em uma democracia, você deve escolher seu mestre e a quem servir. Isso não torna ninguém menos escravo. É melhor descobrirmos como nos desatar contra esses sociopatas ou enfrentaremos um futuro muito sombrio. Referência: SHTFplan.com

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR