Coletividade Evolutiva , A ditadura sanitária será reembalada e armada novamente para justificar o golpe , Ciência , Coronavírus , Covid-19 , Governo , Ivermectina , Nova ordem mundial , Pandemias ,

A ditadura sanitária será reembalada e armada novamente para justificar o golpe

Os poderes constituídos continuarão impunes com esquemas de controle social, a menos que as massas se recusem a cumprir as ordens do topo.


A ditadura sanitária será reembalada e armada novamente para justificar o golpe

Com o passar do tempo, mais pessoas reconhecem que o Grande Governo ou os esquerdistas marionetes dos globalistas, usa bandeiras falsas e pistas falsas para distrair o público. Os chefes de estado, a grande mídia marionete de globalistas e os que dirigem corporações poderosas são mestres do disfarce, da distração e da manipulação. Na maioria das vezes, uma “emergência nacional” falsa ou exagerada visa justificar uma intervenção que viola um ou vários direitos constitucionais.

Os poderes constituídos continuarão impunes com esquemas de controle social, a menos que as massas se recusem a cumprir as ordens do topo. Por exemplo, “conversas de emergência” estão sendo usadas para impor restrições relacionadas a vírus para alimentar o golpe global. (Relacionado: EXTERMÍNIO POR TODOS OS MEIOS: Como os globalistas convenceram BILHÕES de pessoas a se exterminar com armas biológicas apresentadas como "cura")

Os arquitetos de golpes e revoluções militares adoram invocar “emergências nacionais” para suspender direitos civis, impor toques de recolher e contornar restrições constitucionais incômodas. A vantagem de declarar uma emergência nacional é que você pode legitimar intervenções violentas e anticonstitucionais e tomadas de poder sem precedentes, sob o pretexto de que você está salvando a nação de uma destruição iminente.

As supostas emergências nacionais são muitas vezes cavalos de Tróia disfarçados, usados ​​para implementar secretamente motivos latentes, como a suspensão dos direitos civis. As alegadas emergências nacionais são uma forma indireta de remover as liberdades civis em nome do utilitarismo.

Medidas de emergência ou fabricadas são ferramentas do governo para coagir e controlar você


A declaração de emergência nacional é uma forma estratégica de autoritarismo oculto destinado a controlar as pessoas. No entanto, esses grandes anúncios também têm o potencial de inspirar pânico e até causar psicose em massa. 

Os fantoches dos globalistas usarão uma nova rodada de emergências nacionais para justificar uma anulação de direitos constitucionais em toda a sociedade na busca sem fim por mais poder. Portanto, quando um político fala em destruição iminente, seus ouvidos devem ficar atentos e você deve colocar seu chapéu de detetive, dissecando e analisando cada palavra para descobrir a verdade.

As emergências da COVID são retratadas como eventos dramáticos que justificam as injeções forçadas que os autoritários consideram necessárias para ganhar a vida e aprender na escola. A verdade é que a exposição ao vírus costuma ser uma ameaça menor à saúde do que a injeção que altera o gene. 

De óxido de grafeno tóxico a nanopartículas e muito mais, as injeções de COVID estão repletas de minúsculas partículas que têm o potencial de levar a problemas de saúde ao longo da vida. No entanto, se você acredita nas cabeças dos noticiários noturnos, ainda estamos no meio de uma emergência nacional que dura mais de três anos.

Na realidade, não há emergência . COVID tem uma taxa de mortalidade por infecção de apenas 0,2%, mas a grande mídia fez uma lavagem cerebral no público em geral para acreditar que se reunir em grupos durante a temporada de festas é o equivalente a jogar roleta russa.

Próxima emergência nacional chegando até você


Quando os historiadores do futuro olharem para a era atual, eles destacarão a hipocrisia dos funcionários públicos por declararem a propagação de um vírus respiratório uma emergência nacional. O público permitiu que políticos fantoches/ Cheios de conflitos de interesses que aceitam subornos da indústria farmacêutica restringissem o acesso ao emprego e à educação, impedissem que as pessoas se reunissem em grupos e até mesmo as impedissem de ficar de pé ou sentadas a menos de um metro e meio umas das outras.

É hora de falar a verdade e destacar como a “emergência nacional” do COVID se intrometeu no trabalho, na escola e na vida como a conhecíamos anteriormente. O tempo está passando. É apenas uma questão de tempo até que surjam várias outras supostas emergências, seja na forma de pânicos de mudança climática que estimulam “bloqueios verdes” ou outro vírus caracterizado como uma ameaça mortal que pode não ser nada disso.

No final de tudo isso, se trata de um conluio global de entidades de tecnologia como ID2020, Microsoft, Bill Gates, grande indústria farmacêutica, o Fórum Econômico Mundial, e claro, os gigantes da tecnologia para promover uma agenda de redução populacional e... Todo esse aparato de escravização está sendo preparado para ser implantando em todo o mundo sobre o disfarce de solucionar a pandemia de coronavírus Covid-19 e crise econômica. Isso por sua vez, será provavelmente implorado pelas nações sobre o golpe da Nova Ordem Mundial que está sendo apresentado como o Grande Reset Global ou a Grande Reinicialização.

A moral dessa história é questionar tudo, incluindo as narrativas do Grande Governo , da Grande Indústria Farmacêutica e até mesmo da mídia local. Referência: Expose-news.com

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR