A pandemia da vacina: Processo força CDC entregar dados sobre eventos mortais das vacinas covid

CDC é forçada entregar dados V-safe mostrando lesões incriminatórias por vacinas covid

A pandemia da vacina: Processo força CDC entregar dados V-safe que mostra eventos mortais das vacinas covid

Os Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC dos Estados Unidos) perdeu uma ação para a Rede de Ação de Consentimento Informado (ICAN): para entregar o tesouro de dados de seu banco de dados Impactos adversos das vacinas na saúde ou (V-safe), que mostra que vacinas Covid são tudo menos seguras e eficazes.

O grupo da Rede de Ação de Consentimento Informado (ICAN) ganhou recentemente essa ação judicial que obriga a agência federal a entregar os dados, o que anteriormente se recusava a fazer. O V-safe, caso você nunca tenha ouvido falar dele, é um aplicativo de smartphone que coleta dados sobre ferimentos e mortes por vacina Covid que foi baixado e usado por mais de 10 milhões de participantes.

Para obter os dados, o ICAN “ativou sua equipe jurídica”, com o objetivo de tornar os dados públicos para que todos possam vê-los. O ICAN supostamente processou o CDC duas vezes, resultando na capitulação da agência federal a uma ordem judicial. De acordo com o advogado de vacinas Aaron Siri, foram necessários 463 dias e dois processos para o CDC entregar os dados.

O V-safe fornece check-ins de saúde personalizados e confidenciais por meio de mensagens de texto e pesquisas na web para que você possa compartilhar [de forma] rápida e facilmente com o CDC como você ou seu dependente se sente depois de receber uma vacina COVID-19”. “Esta informação ajuda o CDC a monitorar a segurança das vacinas COVID-19 quase em tempo real.”afirma o CDC sobre a ferramenta 

“A ICAN pegou os dados brutos oficiais do CDC e criou uma interface de painel visual para facilitar o uso”, diz o grupo.
Usando o painel personalizado na ferramenta V-safe, o ICAN conseguiu apresentar para revisão pública mais de 144 milhões de linhas de dados de saúde reunidos no banco de dados, incluindo dados importantes sobre lesões e mortes.

Milhares de pessoas notificaram o V-safe: foram pessoalmente feridos por injeções covid


Agora sabemos que das 10 milhões de pessoas que usaram o V-safe, 3.353.110 – mais de um terço – sofreram ferimentos pessoais como resultado de ter acreditados na falácia da narrativa de seguras e eficazes. Ao todo, 6.458.751 “impactos na saúde” foram relatados por usuários V-safe.

  • Tais impactos incluem:Incapacidade de trabalhar ou frequentar a escola
  • Incapacidade de se envolver em atividades diárias normais e/ou
  • Incapacidade de obter cuidados de um médico ou outro profissional de saúde

Para ser claro, um usuário individual do V-safe pode adicionar mais de um impacto na saúde. O número 6.458.751, em outras palavras, não implica necessariamente que mais de 6,4 milhões de pessoas em 10 milhões de pessoas sofreram eventos adversos.

“Dos 10 milhões de usuários do V-safe, 7,7% deles tiveram que procurar atendimento médico após a vacinação”. “Essa é uma porcentagem incrivelmente alta, me parece.”

“E além disso”, acrescentou durante um segmento, “outros 2,5 milhões – estamos falando de 25% – faltaram ao trabalho ou à escola ou tiveram reações ruins à vacina”

Chase Gallagher, do “Fox News @ Night”, acrescentou que esses 7,7% exigiam cuidados sérios por meio de salas de emergência e hospitalizações, algumas das quais foram estendidas.

Vitória para o advogado Aaron Siri, que finalmente obteve os relatórios que o CDC não queria que você visse.

7,7% de 10 milhões tiveram que procurar atendimento médico após a injeção.

Surpreendentes 25% faltaram ao trabalho e tiveram algum evento grave afetando suas vidas normais.

A verdade está aparecendo!!
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Sugestão de suplemento

Postar um comentário

0 Comentários

Fechar Menu