Últimas-notícias

Tucker Carlson: Apresentador da Fox News alerta os americanos que eles podem enfrentar escassez de alimentos em breve

Últimas-notícias: Devido uma sequência de eventos de explosões e incêndios "misteriosos" em várias fábricas de processamento e distribuição de ali...

Fabio Allves
Compartilhe:
Nos Apoie
Tucker Carlson: Apresentador da Fox News alerta os americanos que eles podem enfrentar escassez de alimentos em breve

Devido uma sequência de eventos de explosões e incêndios "misteriosos" em várias fábricas de processamento e distribuição de alimentos nos Estados Unidos, o apresentador Tucker Carlson e seu colega da Fox News , Trace Gallagher alertam que os Estados Unidos, pode experimentar escassez de alimentos muito em breve.

“A América [tem] as terras agrícolas mais férteis do mundo, sempre teve alguns dos preços de alimentos mais baratos do mundo. Isso pode estar mudando”, alertou Carlson. “De repente, os preços estão subindo vertiginosamente para os alimentos básicos, sua mercearia não está cheia. Isso significa que o suprimento de alimentos do nosso país não é seguro.”(Fonte)

O colega Gallagher também destacou que, nos últimos seis meses, houve 17 incidentes de incêndios, explosões e até dois acidentes de avião que atingiram fábricas de processamento e armazenamento de alimentos.

De 2017 a 2019, houve apenas entre seis a oito incidentes de incêndios e explosões em fábricas de processamento e armazenamento de alimentos por ano. No ano passado, esse número subiu para 11.

“É interessante que, apesar do mau momento e de um grande aumento na destruição de plantas alimentícias até agora, não parece haver uma investigação pública e em larga escala pela FDA [ Food and Drug Administration ] ou pelo Departamento de Agricultura ”, observou Gallagher.

“Não estamos dizendo que nenhum grupo é responsável por esses incêndios. Nós realmente não sabemos do que se trata. Mas sabemos que está acontecendo durante o que está se tornando um ano desastroso para a produção de alimentos nos Estados Unidos”, disse Carlson.

O próprio presidente Joe Biden já admitiu que a escassez de alimentos será uma realidade para os americanos, e disse que isso se deve às sanções que seu governo e seus aliados no mundo ocidental impuseram à Rússia por sua invasão da Ucrânia.

“Com relação à escassez de alimentos, sim, falamos sobre escassez de alimentos, e será real”, disse ele no mês passado durante uma entrevista coletiva em uma cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte em Bruxelas, Bélgica, após uma reunião com outros líderes.

“O preço das sanções não é imposto apenas à Rússia”, acrescentou. “Isso também é imposto a muitos países, incluindo países europeus e outros países também.”

Biden então chamou a Rússia e a Ucrânia de “celeiros” da Europa para o trigo. Ele insistiu que teve uma “longa discussão” com os líderes do G7 sobre a necessidade de seus países aumentarem a produção de alimentos e fornecerem ajuda mútua durante a escassez.

Mesmo que nenhuma fábrica de armazenamento ou processamento de alimentos nos EUA tenha sido atingida, a produção de alimentos para este ano ainda está em declínio. O próprio Carlson apontou diferentes fatores que estão dificultando a capacidade da indústria agrícola de alimentar os americanos.

Um dos grandes problemas é o suspeito surto de gripe aviária nos Estados Unidos, que já resultou na morte e no abate deliberado de mais de 30 milhões de frangos e perus .

Assistir: está em inglês

Publicidade
Publicidade
Explore mais em: Fome no mundo , Mundo , Notícias alternativas , Últimas-notícias
Compartilhe:
Nos Apoie com um donativo
Este artigo pode conter afirmações que refletem a opinião do autor

Para impulsionar sua saúde:

MAIS RECENTES