Europa se prepara para escassez de alimentos enquanto Brasil corre risco de ser afetado o agronegócio devido ao conflito Ucrânia-Rússia

Depois que foi anunciado que as exportações de trigo da Rússia e da Ucrânia cessaram, os ministros da agricultura da União Europeia se reuniram.


Europa se prepara para escassez de alimentos enquanto Brasil corre risco de ser afetado o agronegócio devido ao conflito Ucrânia-Rússia

Depois que foi anunciado que as exportações de trigo da Rússia e da Ucrânia cessaram, os ministros da agricultura da União Europeia realizaram uma reunião de emergência para ativar o que eles chamam de “Mecanismo de Contingência para Crise Alimentar”.

Uma vez que os chefes de muitos países europeus esperam uma escassez generalizada de alimentos devido à guerra, eles estão tentando se antecipar ao encontrar fontes alternativas (supondo que existam).

Um terço dos grãos do mundo, só para deixar claro, vem da região do Mar Negro, perto da Rússia e da Ucrânia. Cortar as exportações desta área terá um impacto devastador no abastecimento global de alimentos, em outras palavras.

“Já existem produtores de ração animal na Coreia do Sul que estão declarando força maior ”, alerta Ice Age Farmer.

“Em outras palavras, 'sabemos que vendemos essa comida para seus animais, mas não podemos dar a você agora, mesmo que você dependa dela, porque não podemos obter o milho que compramos da Ucrânia e daquela região do Mar Negro.'”

Os impactos que o Brasil possa ter com a guerra entre Rússia e Ucrânia, Leandro Barcelos, coordenador de Comércio Internacional na BMJ Consultores Associados alerta que corremos um risco real de afetar o agronegócio brasileiro, pelas sanções que os países tem colocado para a Rússia.

Segundo ele, temos um risco de desabastecimento de insumos agrícolas já no segundo semestre, onde teremos uma retração na produção.

“O momento agora é de planejamento. É o momento do pequeno ou do grande agricultor, pensar já no segundo semestre, o que será necessário, pensar em estoques, ou antecipar compras de fertilizantes ou insumos. É momento de refletir e planejar", sugere o coordenador diante da eminente falta de insumos - Alerta Leandro Barcelos

O “Acordo Verde” da Europa de anos atrás lançou as bases para a destruição projetada do suprimento de alimentos devido ao conflito Rússia-Ucrânia


A região do Mar Negro não é apenas um “celeiro” para a Europa, fornecendo ração para humanos e animais, mas também onde grande parte do fertilizante do mundo é produzido.

A Irlanda depende da Rússia para 25% de seus fertilizantes , como um exemplo disso.

A Ice Age Farmer diz que tudo isso foi projetado há muitos anos, em parte sob o chamado golpe “Da Fazenda ao Garfo” da UE, sendo basicamente a aquisição do suprimento de alimentos da Europa sob um “Acordo Verde”.

O "Acordo Verde" da UE, que é semelhante ao “Novo Acordo Verde” que está sendo promovido nos Estados Unidos, restringe a quantidade de terras agrícolas que os agricultores europeus podem usar para cultivar alimentos.

Essa destruição projetada do suprimento de alimentos da Europa está chegando ao auge com o que alguns acreditam ser também uma guerra projetada entre a Rússia e a Ucrânia.

Interessante é o fato de que a guerra foi lançada logo após grande parte do mundo suspender suas restrições ao coronavírus Wuhan (Covid-19), quase como se tivéssemos entrado em uma nova fase, a fase de guerra e da fome, da queda plandêmica em andamento da economia global .

Se os líderes da UE estivessem realmente preocupados em proteger o suprimento de alimentos europeu, eles imediatamente levantariam todas as restrições do Acordo Verde e permitiriam que tantos agricultores europeus quanto pudessem começar a cultivar qualquer coisa e tudo o que puderem.

O mundo inteiro, inclusive aqui no Brasil, deve agora esperar que os preços dos alimentos dobrem nas próximas semanas, possivelmente escassez de alimentos devido o  risco de desabastecimento de insumos agrícolas à medida que fica mais claro o que realmente está acontecendo com o suprimento global de alimentos. Parece que finalmente, o que alertei no passado sobre a pandemia da fome, parece está as portas agora. Talvez seja até mesmo sobre essa pandemia que Bill Gates estava falando.

“Leia Apocalipse capítulo 6 e veja se você vê algo familiar.”
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Suplemento Multivitamínico

Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.