AVISO - Estamos vivendo tempos de extrema censura on-line, por isso entre para o nosso > CANAL DO TELEGRAM

Estudos alertam que baixos níveis de vitamina D tem riscos de doenças e morte prematura

Estudos alertam que baixos níveis de vitamina D tem riscos de doenças e morte prematura

A vitamina D é um pro hormônio essencial para manter à saúde imunológica saudável, e manter à saúde geral, mas existem apenas algumas fontes naturais dessa vitamina.

De acordo com vários estudos, a suplementação é importante porque a deficiência de vitamina D está ligada a um risco aumentado de morte prematura, principalmente se os níveis sanguíneos de vitamina D forem inferiores a 30 nanogramas por mililitro (ng / mL).

Suplementação de vitamina D e risco de deficiência


Como não existem muitas fontes naturais de vitamina D, é difícil atender à sua ingestão diária recomendada sem exposição solar regular. Você precisa de exposição ao sol porque, diferentemente de outras vitaminas, a vitamina D é um hormônio que só pode ser produzido pela pele após ser acionada pelos raios UVB do sol.

Segundo vários estudos, a vitamina D desempenha um papel importante na saúde óssea, na função imunológica e na prevenção do câncer. Portanto, manter níveis saudáveis ​​de vitamina D é crucial para o seu bem-estar geral. Com o isolamento social, e o confinamento em casa, fica claro que muitos brasileiros, estão ainda mais com deficiência dessa vitamina essencial, principalmente, pessoas do grupo de risco, como os idosos, pessoas com sobrepeso e pessoas que vivem em locais com luz solar limitada têm um alto risco de desenvolver deficiência de vitamina D, que consequentemente leva a doenças.

Como a deficiência de vitamina D afeta sua saúde


A deficiência de vitamina D está ligada a vários efeitos adversos, como:

  • Diabetes - Um estudo publicado no Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism relatou que aqueles com diabetes ou pré-diabetes têm níveis mais baixos de vitamina D do que indivíduos saudáveis. Também acredita-se que a obesidade e a deficiência de vitamina D "interagem sinergicamente" para aumentar seu risco de diabetes e outros distúrbios metabólicos.
  • Doença cardíaca - Em um estudo separado, também publicado no Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism , os cientistas descobriram que pessoas com baixos níveis de vitamina D tinham probabilidade três vezes maior de morrer por causa de insuficiência cardíaca e cinco vezes mais com morte súbita cardíaca.
  • Obesidade - A obesidade está ligada à deficiência, porque pesar demais pode limitar a capacidade do seu corpo de usar vitamina D.
  • Síndrome pré-menstrual (TPM) - Com base nos resultados do Estudo de Saúde das Enfermeiras II, o alto consumo de vitamina D em mulheres com idade entre 27 e 44 anos pode estar associado a um menor risco de TPM.

Manter níveis saudáveis ​​de vitamina D pode ajudar a prevenir problemas graves de saúde, como artrite reumatoide e doença celíaca. Pacientes com essas condições também são deficientes em vitamina D; isso pode causar outras complicações de saúde que podem levar à morte prematura. 

Como aumentar sua ingestão de vitamina D


Primeiro, aproveite a luz solar natural. Estudos mostram que a exposição solar livre de filtro solar ajuda a melhorar a saúde geral e é a melhor maneira de obter sua dose diária de vitamina D. Você precisa de pelo menos 20 minutos de exposição direta ao sol para a sua pele produzir naturalmente a vitamina D.

Como suplementar com vitamina D


A vitamina D é uma vitamina solúvel em gordura que você precisa obter de alimentos ricos em gorduras "boas". Estudos sugerem que tomar vitamina D durante a maior refeição do dia melhora a absorção, o que ajuda a aumentar os níveis séricos da vitamina.

Ao tomar suplementos, tome a forma mais biodisponível da vitamina D, a vitamina D3. Para uma ótima absorção da vitamina D3, você precisa suplementar com a vitamina K2, que é a forma mais biologicamente ativa da vitamina K.

Você também pode consumir fontes naturais de vitamina D3, como:

  • óleo de fígado de bacalhau
  • Gemas de ovo
  • Cavalinha
  • Salmão
  • Sardinhas
  • Leite cru

Se você tem deficiência de vitamina D, também precisará de suplementação para aumentar seus níveis de vitamina D. Se você estiver tomando medicamentos prescritos, precisará aumentar sua ingestão de vitamina D. As pessoas que tomam corticosteroides precisam aumentar a ingestão de vitamina D3, porque esta droga interfere na absorção da vitamina D.

Se você não tiver certeza da quantidade necessária de vitamina, peça a um médico para realizar um exame de sangue com 25 hidroxivitamina D. Isso ajudará você a determinar quanta vitamina D você precisa para se manter saudável. Obtenha exposição regular ao sol, siga uma dieta equilibrada e tome suplementos naturais para aumentar sua ingestão de vitamina D e diminuir o risco de doenças e mortes prematuras.

Originalmente em: Naturalnews.com
Estamos preocupados com a extrema censura dos gigantes da tecnologia. Por isso, incentivamos, que todos que desejam continuar a receber nosso conteúdo valioso , a se inscreverem na nossa lista de e-mail. - Depois de se increver acesse sua caixa de entrada ou de spam para confirmar.
Siga-nos nas redes para atualizaçõe apesar da censura | Instagram | Facebook |Twitter |Telegram