Coletividade Evolutiva , Pesquisa: Eletricidade "do ar" - Será que a invenção de Tesla finalmente será liberada? , Ciência , Ciência e tecnologia , Ivermectina , Tecnologia ,

Pesquisa: Eletricidade "do ar" - Será que a invenção de Tesla finalmente será liberada?

Várias equipes de pesquisa em todo o mundo estão trabalhando em novos métodos de geração de energia


Pesquisa: Eletricidade "do ar" - Será que a invenção de Tesla finalmente será liberada?

Torre de Tesla - projeto energia livre . Foi a tentativa de Tesla fornecer todos no mundo com energia livre através do aproveitamento da eletricidade da ionosfera da Terra, por meio das torres. Mas os seus sonhos foram interrompidos misteriosamente. "A energia elétrica está em todo lugar, está presente em quantidades ilimitadas e pode dirigir as máquinas do mundo sem a necessidade de carvão, petróleo, gás ou qualquer outro combustível." - Nikola Tesla

Várias equipes de pesquisa em todo o mundo estão trabalhando em novos métodos de geração de energia: eles querem gerar eletricidade do nada – mais precisamente: do ar. Em breve viveremos uma revolução no setor de energia? Os sonhos de Nikola Tesla obviamente ainda inspiram muitos cientistas hoje. Mas a ideia de energia livre é um pesadelo para as gigantes corporações do ramo.

Por mais de cem anos, os cientistas sonharam em criar energia do nada. Nikola Tesla conduziu experimentos nessa direção já na década de 1930. Algumas das considerações e experimentos soam como algo saído diretamente de um romance de ficção científica, ou pensamento positivo em vez de metodologia. Mas os pesquisadores chegaram cada vez mais perto do impossível e desenvolveram métodos que podem, por assim dizer, extrair energia do ar.

Em 2021, a Universidade Americana de Massachusetts Amherst desenvolveu um dispositivo chamado Air-gen que utiliza nanofios de proteínas da bactéria Geobacter sulfurreducens para converter a água presente no ar ambiente em eletricidade. O dispositivo realmente gera eletricidade a partir do “nada” e é considerado relativamente eficaz.

O projeto europeu CATCHER também pretende gerar energia a partir da umidade do ar, mas por meio de células feitas de zircônia, um material cerâmico. No entanto, a tecnologia ainda está longe de uma aplicação prática.

Cientistas da Monash University, na Austrália, fizeram outro avanço este ano ao coletar energia do nada. O material chave é uma enzima chamada Huc , encontrada na bactéria Mycobacterium smegmatis. O Huc atua como uma espécie de usina de energia para converter ar em energia e é capaz de alimentar vários pequenos dispositivos elétricos portáteis.

Segundo os pesquisadores, ao fornecer ao Huc hidrogênio mais concentrado, ele poderia ser usado em células de combustível para alimentar dispositivos mais complexos, como smartphones ou laptops.

Embora os projetos voltados para a geração de energia a partir do ar ainda estejam em seus estágios iniciais, os benefícios seriam imensos se alguma dessas tecnologias fosse realmente utilizável. Muitos dos efeitos ambientais negativos da produção de energia se dissolveriam em boa vontade - e é improvável que a narrativa de "danos climáticos" se aplique aqui também. 

Então, talvez um dia uma verdadeira revolução no setor de energia se desenvolva a partir desses atuais projetos de pesquisa... Referência: Report24

Obtenha o Extrato de Própolis Verde, Vitamina C, D e Zinco para melhor Imunidade e Proteção contra doenças oportunistas - Clique aqui


Siga-nos: | | e | Inscreva-se na nossa | Nos Apoie: Doar
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Fechar Menu
Entre em nosso Telegram

Entre para nosso canal do Telegram

ENTRAR

Nos siga no X (Twitter)

Compartilhamos nossos artigos e outras informações

SEGUIR

Apoie Coletividade Evolutiva - Doação

Apoie nosso projeto com uma contribuição.

DOAR