Uma iminente ditadura no Brasil? PT pede censura de 34 perfils no twitter por exercer à liberdade e "democracia"

O partido informa ter identificado uma rede de 34 perfis, incluindo figuras públicas, jornalistas e veículos de comunicação.

Uma iminente ditadura no Brasil? PT pede censura de 34 perfils no twitter por ecesser à liberdade

O Brasil vive um tempo escuro para o exercício da liberdade política e da "democracia" – um dos piores, possivelmente, que já teve em sua história moderna.

A campanha do Partido dos Trabalhadores (PT) / ou se preferir, Partido de Perda Total da democracia, liberdade e propriedade privada, como eu o vejo particularmente — entrou com uma representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta sexta-feira, 7, para impedir que veículos de comunicação, jornalistas e influenciadores digitais se manifestem no Twitter. Por enquanto no Twitter!

Os petistas solicitaram que o Twitter “cumpra” o “termo de cooperação” firmado com a Corte Eleitoral para impedir a divulgação do que os petistas veem como "ameaça"/ ou“mentiras” nas eleições deste ano. O partido informa ter identificado uma rede de 34 perfis, incluindo figuras públicas, jornalistas e veículos de comunicação.

“É possível perceber uma unicidade quanto aos temas e quanto aos usuários que publicam reiteradamente fake news, criando uma verdadeira guerra cultural que polariza o cenário eleitoral entre o alegado bem contra o mal”, justificou a campanha de Lula. Não foram apresentadas provas.

O advogado destaca que, ao adotar tal postura, os petistas assumem estar cerceando a liberdade de imprensa. “Na verdade, o que lamentavelmente se assiste nas eleições de 2022 é a volta retumbante da censura”, observou Fidalgo. “No momento eleitoral, em que deveria ser mais valorizado o princípio fundamental da liberdade de imprensa, a atividade jornalística está sendo tolhida de todas as formas. A crítica e a revelação de fatos compõem o mister jornalístico e, ainda que desagradem a alguém, constituem direito fundamental em qualquer Estado Democrático de Direito.”


Brasil sob ameaça vermelha


Alguns dos Poderes do Brasil e instituições, tem agido de forma totalitária, privando e pisando tanto nos direitos constitucionais da população, quanto na "democracia": favorecendo um lado e desfavorecendo o outro, favorecendo o "representante dos banqueiros" e desfavorecendo o atual representante do povo

Precisamos se opor às grandes invasões do governo e do estado na vida individual, precisamos apoiar nossa estrutura constitucional e defender as liberdades civis, além de defender os direitos de propriedade privada.

Lembre-se:

Não se pode ter uma forma de democracia quando o governo (ou representante) se considera superior aos cidadãos, quando não opera mais em benefício do povo, quando o povo não é mais capaz de agir pacificamente para reformar seu governo, quando os funcionários de instituições públicas deixarem de agir como servidores públicos, quando os eleitos não representarem mais a vontade do povo, quando o governo ou instituições violar rotineiramente os direitos do povo e perpetrar mais violência contra os cidadãos do que contra a classe criminosa, quando o governo os gastos são inexplicáveis ​​e inexplicáveis ​​quando o judiciário atua como tribunais de ordem em vez de justiça, e quando o governo ou representantes de instituições não está mais sujeito às leis da Constituição.

“Discordo do que você diz, mas defenderei até a morte seu direito de dizê-lo”, Voltaire (Evelyn Beatrice Hall), cunhando a máxima mais citada pelos defensores da liberdade de expressão.

Por que os níveis de censura são tão altos? Na verdade, pode haver apenas uma razão para isso: nossas chamadas “autoridades” têm medo do pensamento livre, da liberdade de expressão e do livre fluxo de informações. Por quê? Porque revelaria seus segredos, exporia sua corrupção, contradizia suas falsas narrativas, dissolveria estruturas mentais e desfaria noções de obediência cidadã e dever cívico que foram moldadas em nós desde o nascimento.

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Sugestão de suplemento

Postar um comentário

0 Comentários

Fechar Menu