Pandemias

Quanto mais caro vão ficar as coisas antes de chegarmos a um ponto de ruptura?

Pandemias: O magnata russo sancionado de fertilizantes e carvão Andrey Melnichenko está alertando que uma crise mundial de alimentos pode ocorrer se ...

Nos Apoie
Quanto mais caro as coisas vão ficar antes de chegarmos a um ponto de ruptura?

O magnata russo sancionado de fertilizantes e carvão Andrey Melnichenko está alertando que uma crise mundial de alimentos pode ocorrer se o conflito na Ucrânia não terminar em breve.

Bilionário e fundador dos maiores produtores de nitrato de amônio e carvão da Rússia, EuroChem e SUEK, Melnichenko está entre os muitos oligarcas russos que foram alvo de sanções ocidentais devido ao conflito. Para manter o dinheiro entrando, Melnichenko precisa que o conflito termine.

Melnichenko diz que uma das “vítimas” da crise “será a agricultura e a alimentação ”, já que a Rússia e a Ucrânia juntas fornecem os principais componentes do abastecimento global de alimentos.

Desde a invasão, a pressão inflacionária ou aumento dos preços que já era forte em toda a plandemia tornou-se ainda mais forte. Isso permitiu que a mídia culpasse inteiramente a invasão, esperando que as pessoas esquecessem tudo sobre a plandemia e as medidas tirânicas impostas ainda até hoje.

Agora, todos nós devemos culpar Putin pela disparada dos preços do gás, aumento dos custos dos alimentos, problemas na cadeia de suprimentos, escassez e agora a falta de exportações de fertilizantes devido às sanções ocidentais à Rússia.

Os preços do trigo e do milho continuam subindo, assim como os custos dos fertilizantes. A Rússia supostamente responde por cerca de 13% da produção global de potássio, fosfato e nitrogênio, que são três principais insumos agrícolas necessários para a agricultura industrial em larga escala.

“A produção depende muito do gás natural, cujo custo também subiu como resultado do conflito na Ucrânia”, afirma o MSN .

"Os eventos na Ucrânia são realmente trágicos", disse Melnichenko em comentários enviados ao MSN por seu porta-voz.

“Precisamos urgentemente de paz. Como russo por nacionalidade, bielorrusso de nascimento e ucraniano de sangue, sinto grande dor e descrença ao ver os povos irmãos lutando e morrendo.”


Embora os Estados Unidos estejam em segundo lugar no mundo em produção de trigo, atrás da Rússia, a produção doméstica por si só pode não ser suficiente para compensar as exportações perdidas. No início do mês, o Ministério do Comércio e Indústria da Rússia pediu aos produtores de fertilizantes do país que suspendam todas as exportações.

“Agora, isso levará a uma inflação de alimentos ainda mais alta na Europa e provavelmente à escassez de alimentos nos países mais pobres do mundo”, alerta Melnichenko, observando que os preços dos alimentos já estavam subindo durante a plandemia .

Após as sanções, Melnichenko renunciou ao cargo de membro do conselho e principal beneficiário da EuroChem e da SUEK. A EuroChem afirma estar entre às cinco maiores empresas de fertilizantes do mundo.
Publicidade
Publicidade
Nos Apoie
, , , , ,

Para impulsionar sua saúde:

MAIS RECENTES