Bill Gates está levando o mundo para um controle global totalitário

Receba nosso conteúdo no | Telegram
Bill Gates está guiando o mundo para um controle global totalitário

Bill Gates é o maior produtor mundial de vacinas e agora que os EUA cortaram o financiamento, Bill Gates passou a ser o maior financiador, da Organização Mundial da Saúde (OMS), o que significa que tem um grande poder sobre ela, rumores surgiu, levando a suspeitas da OMS, esta envolvida no "progresso" da pandemia do covid-19 - e a Fundação CDC Centro de Controle e Prevenção de Doenças. Agora, parece que essas agências estão comercializando armas biológicas para tomar o poder de liberdade da humanidade, para levar a um império de controle global centralizado.

Uma deputada Italiana, Sara Cunial, não mediu esforços para denunciar o globalista eugenista mais conhecido atualmente, Bill Gates, em imagens de vídeo logo a baixo divulgadas recentemente, onde ela está pedindo uma ação legal contra Gates, citando alegações de crimes contra a humanidade.
Limitar o crescimento populacional, fazer seres humanos de porquinhos-da-índia, criar monitoramento no estilo Big-Brother, controlar o comportamento do público por meio de "passaportes de vacinas ou de imunidade", para que possa comprar ou vender entre outras alegações.

"[O filósofo inglês do século XVII Thomas Hobbes] disse que o poder absoluto não vem de uma imposição de cima, mas pela escolha de indivíduos que se sentem mais protegidos renunciando à própria liberdade e concedendo-a a terceiros".

Assim começa Sara Cunial, membro do Parlamento em Roma, durante um discurso recente que fez aos colegas na Itália. Ela continua declarando Bill Gates um " criminoso vacinal " antes de pedir ao presidente italiano para que Bill Gates seja preso e levado ao Tribunal Penal Internacional por supostos crimes contra a humanidade.

Em 2012, a Fundação Bill e Melinda Gates ofereceu um suborno de vários milhões de dólares à Nigéria para iniciar vacinas obrigatórias. Gates prometeu a cada estado nigeriano meio milhão de dólares cada se aprovassem "um conjunto rigoroso de critérios com base nos resultados de seu programa de pólio e serviços de rotina de imunização" (de acordo com o site da fundação). Isso foi depois que ele registrou que as imunizações poderiam ajudar a reduzir a população mundial.



Em 2014, a Organização Mundial da Saúde (OMS), financiada por Gates, foi acusada de dar a milhões de mulheres africanas vacinas contra o tétano que continham um composto esterilizante conhecido como gonadotrofina coriônica humana (hCG). Evidências já datadas da década de 1970 mostram que os pesquisadores da OMS estavam investigando como inventar uma "vacina anticoncepcional" contendo toxóide tetânico conjugado (TT) e hCG.

Gates também liderou o famoso Grupo Nacional Consultivo Técnico de Imunização da Índia (NTAGI), que exigia imensos esquemas de imunização sobrepostos a crianças menores de cinco anos. Acredita-se que esta campanha de vacinas seja a raiz de uma epidemia de paralisia flácida aguda não poliomielite (NPAFP ) que afetou cerca de 500.000 crianças indianas entre 2000 e 2017.

A OMS logo depois admitiu que mais crianças estavam sendo feridas pela vacina contra a poliomielite do que pelo próprio vírus da poliomielite.

Para dar apenas mais um exemplo, Bill Gates financiou um estudo de fase 3 da vacina experimental contra a malária da Glaxo Smith Kline, da indústria farmacêutica, em 2010. 151 crianças africanas envolvidas no julgamento morreram devido a causas como pneumonia e meningite. Eventos adversos também foram relatados, incluindo convulsões, febre e inflamação muscular grave (miosite).

Gates deixou a Microsoft em março de 2020 - exatamente quando a pandemia estava aumentando, e poucos meses após o agora infame "Evento 201", uma simulação de pandemia de coronavírus realizada no Johns Hopkins Center for Health Security e em colaboração com a World the Economic Fórum.

Parece que a atual crise global é algo para o qual Gates vem se preparando ativamente.


Continue lendo após a publicidade
Continue lendo após a publicidade
Estar havendo uma extrema censura por parte dos gigantes da tecnologia. Por isso, incentivamos que todos que desejam receber nosso conteúdo valioso , a se inscreverem na nossa lista de e-mail. - Depois de se increver acesse sua caixa de entrada ou de spam para confirmar sua inscrição.
Se conecte com nós nas redes | Instagram | Facebook |Twitter |Telegram


Fabio Allves

Fabio Allves
Criador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade e despertar. Desde meu autoconhecimento há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. Questionando as raízes que constitui aparentemente nossa “realidade”, e como o condicionamento social afeta nossa busca coletiva pela verdade em todos os aspectos da vida. Tem como objetivo trazer às informações que está livremente correndo nas mãos do público, para ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar. | Telegram

Talvez você goste