A gripe aviária de repente se torna GRIPE das vacas: Abatendo milhões de animais e criando pandemia com testes fraudulentos

A gripe aviária de repente se torna GRIPE das vacas quando fazendas de gado são obrigadas abater animais e destruir o abastecimento alimentar.


A gripe aviária de repente se torna GRIPE das vacas: Abatendo milhões de animais após testes fraudulentos da pandemia COVID

Nos últimos anos, um tópico que tem ganhado destaque no debate sobre as mudanças climáticas é a contribuição das vacas para o aquecimento global. De acordo com o falsificador de dado, chamado de  Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) da Organização das Nações Unidas (ONU), os peidos e arrotos das vacas prejudicam e causam o suposto aquecimento global.

Em 2006, o IPCC chamou a atenção mundial ao pedir a todas as nações que tomassem medidas para reduzir as emissões de metano da agricultura, especialmente das vacas. Esse apelo levou a uma série de iniciativas para controlar e diminuir a produção de metano no setor agrícola - o que gerou várias medidas e políticas ambientais que dificultaram ainda mais a agricultura.

Sob o disfarce de aquecimento global e emissões de metano das vacas na agricultura, globalistas têm investido em várias startups de biotecnologia. Essas empresas estão desenvolvendo técnicas de engenharia genética para criar vacas que produzem menos metano (ou vacas geneticamente modificadas que crescem ou desenvolvem como os frangos injetados com hormônios). No entanto, os impactos para saúde humana são desconhecidos. Basicamente eles vão criar um grande laboratório ao céu aberto - Fazer das fazendas do mundo um grande laboratório de carne falsificada.

O Plano Global para Controlar a Oferta de Alimentos


O controle global sobre a oferta de alimentos tem sido uma estratégia deliberada de governos e organizações internacionais. O objetivo é reduzir o impacto ambiental da agricultura enquanto se busca alimentar uma população global crescente. No entanto, essas intervenções também têm implicações profundas para os agricultores e as economias locais.

As políticas de controle de emissão e a pressão para reduzir a população de gado têm levado a mudanças significativas na agricultura. Muitas fazendas foram forçadas a adotar práticas mais draconianas de políticas ambientais, hoje dita como a linda palavrinha: mais sustentáveis ou enfrentar pesadas sanções. 

Agora que a chamada gripe de aves, misteriosamente pulou para as vacas, uma nova cepa da gripe aviária começou a afetar as vacas, criando uma nova crise para a indústria pecuária. Esta gripe, que anteriormente afetava principalmente aves, agora está misteriosamente causando problemas em vacas, fazendo com que os governos emitam medidas draconianas contra as milhões de vacas, carnes, e fazendas.

Fazendas em vários estados dos EUA começaram a abater vacas que testaram positivo (Os mesmos testes fraudulentos da "pandemia" COVID que foram usados para criar uma falsa pandemia e implementar vacinas, máscaras e tudo mais, agora, serão usados para justificar, abate de animais, lockdown em fazendas, e muito mais ) -  para a gripe aviária ou que não conseguiram se recuperar de infecções secundárias. 

Além disso, um novo sistema de testes está sendo reforçado para produzir resultados positivos que causam mais pandemônio, levando produtores de leite e funcionários do governo a abater vacas saudáveis e/ou levemente doentes por "uma abundância de cautela". Os rebanhos não poderão atingir a imunidade de rebanho natural às cepas patogênicas mais recentes. Em vez disso, esses sistemas de testes PCR impulsionarão diagnósticos equivocados e pandemônio, permitindo o abate em massa de vacas. Essa sabotagem de fornecimento de alimentos já está sendo feita para as granjas avícolas.

Durante a administração Obama, o Bureau of Land Management (BLM) dos EUA intensificou suas ações para regular as práticas agrícolas, especialmente relacionadas ao gado. A justificativa foi a necessidade de combater as mudanças climáticas, mas essas medidas também incluíram o aumento das taxas e arrendamentos para os agricultores.

O BLM adotou uma abordagem agressiva, muitas vezes levando a confrontos com agricultores que resistiram às novas regulações. Em alguns casos, essas tensões resultaram em impasses armados, destacando o nível de conflito entre as necessidades ambientais e os direitos dos produtores rurais.

O abate de vacas tem um impacto direto na produção de leite e no abastecimento alimentar. As fazendas que sacrificam um grande número de vacas enfrentam uma diminuição significativa na sua capacidade de produzir leite, carne e outros, o que pode levar à escassez e ao aumento dos preços dos produtos lácteos.

Além da produção de leite, o abate em massa de vacas também afeta a economia local e nacional. A perda de gado representa um grande prejuízo financeiro para os agricultores e pode ter repercussões em toda a cadeia de abastecimento de alimentos.

Casos Recentes em Diferentes Estados dos EUA


  • Em Dakota do Sul, uma fazenda leiteira teve que abater várias vacas devido a surtos repentinos de gripe aviária, resultando em perdas significativas para os agricultores locais.
  • Em Michigan, uma grande fazenda relatou a infecção de aproximadamente 200 vacas, com cerca de 10% do rebanho sendo sacrificado.
  • No Colorado, infecções generalizadas em vacas leiteiras levaram ao abate de animais que não conseguiram retomar a produção de leite após a recuperação.
  • Ohio também viu uma tendência de vacas contraindo infecções secundárias após testarem positivo para a gripe aviária, resultando em alta mortalidade.
  • Texas
  • No Texas, a Comissão de Saúde Animal verificou que as vacas que testaram positivo para gripe aviária estavam morrendo devido a infecções secundárias, exacerbando a crise.
  • No Novo México, a resposta inicial foi abater vacas com baixa produção de leite antes de confirmar a presença da gripe aviária, mas essa prática foi ajustada à medida que os agricultores aprenderam mais sobre o vírus.

Conforme faz alerta urgente no X (Twitter) a Agricultora americana, alerta sobre a guerra deliberada do governo dos EUA contra os agricultores. “A agenda deste governo é controlar os alimentos e controlar as pessoas.” "Eles estão tentando matar o agricultor americano... tentando regular nossas terras, tomar nossas terras, tomar nossos direitos sobre a água." “É hora de acordar e começar a apoiar os agricultores locais e comprar produtos locais.”


"Uma vez que eles tenham o controle de suas transações... eles podem ditar quais alimentos você pode ou não comprar." Ex-banqueira de investimentos Catherine Austin Fitts: O controle do fornecimento de alimentos é um dos objetivos por trás do impulso em direção aos CBDCs (Moedas Digitais dos Bancos Centrais). "Eles estão pressionando para controlar o fornecimento de alimentos... A ideia é nos livrarmos dos agricultores, matarmos qualquer alimento cultivado naturalmente e fabricarmos alimentos em fábricas e laboratórios." "Uma vez que eles tenham controle de suas transações... eles podem ditar quais alimentos você pode ou não comprar. Então, se eles não querem que você compre pizza, você não pode comprar pizza. Se eles querem que você compre pizza feita com inseto -farinha à base de farinha, é isso que você vai conseguir." “Se eles conseguirem [tirar do mercado agricultores e pescadores], você e eu comeremos carne cultivada em laboratório. Esse é o plano deles.”


De acordo com as regras do USDA, quando uma vaca testa positivo para gripe aviária, todo o rebanho não pode ser transportado entre linhas interestaduais. Isso é um problema porque essas fazendas leiteiras são projetadas para mover animais constantemente

Se o movimento for interrompido, as fazendas leiteiras ficam sem espaço, forçando os produtores a abater animais saudáveis. O USDA está atualmente expandindo as operações de teste para vacas leiteiras, e isso inevitavelmente produzirá mais resultados de teste positivos, causando mais pandemônio e mais interrupções no transporte, o que levará a um nível ainda maior de despovoamento de vacas leiteiras nos Estados Unidos - logo, isso estará acontecendo também no Brasil? Provavelmente em breve!
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Uma pequena pausa antes de continuar


Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.