Produtos químicos

Entenda a importância das abelhas e outros polinizadores para as culturas alimentares do mundo

Produtos químicos: No Brasil, 70% dos alimentos que chegam à mesa tem origem no trabalho de produtores rurais. Segundo a Organização das Nações Unidas para a ...

Coletividade Evolutiva
Compartilhe:
Nos Apoie: Doação
Entenda a importância das abelhas e outros polinizadores para as culturas alimentares do mundo

No Brasil, 70% dos alimentos que chegam à mesa tem origem no trabalho de produtores rurais. Segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), os agricultores familiares são responsáveis pela produção de mais de 80% de toda a comida do planeta.

Mais importante para essa agricultura de alimentos, dependem de polinizadores para a produção de alimentos. Sem esses polinizadores as culturas alimentares morreriam e consequentemente os animais e humanos. 

Cerca de 75% das plantações de alimentos do mundo dependem de abelhas e outros polinizadores, total ou parcialmente, assim como 90% das plantas com flores silvestres. Nas últimas cinco décadas, houve um aumento de 300% no número de culturas produzidas que dependem da polinização.

O primeiro relatório da Comissão de Recursos Genéticos para Alimentação e Agricultura sobre “O Estado da Biodiversidade Mundial para Alimentação e Agricultura”, divulgado em abril de 2019, alertou que a biodiversidade está diminuindo em todo o mundo, ameaçando assim a produção global de alimentos e a sobrevivência humana. A comissão faz parte da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

A Eslovênia propôs à Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) em 20 de dezembro de 2017 proclamar 20 de maio como o Dia Mundial das Abelhas. A resolução foi o resultado de uma iniciativa iniciada em 2015 pela Associação Eslovena de Apicultores para conscientizar sobre a importância das abelhas e outros insetos polinizadores, que estão em extinção devido à ampla gama de atividades com inseticidas na agricultura.

O dia 20 de maio foi selecionado porque coincide com o aniversário de Anton Janša, que foi pioneiro em técnicas modernas de apicultura em sua nativa Eslovênia no século 18 e elogiou as abelhas “por sua capacidade de trabalhar tão duro, precisando de tão pouca atenção”.

Existem, de fato, cerca de 25.000 e 30.000 espécies diferentes de abelhas em todo o mundo. Algumas das espécies mais comuns são as abelhas sudoríparas, abelhas escavadoras, abelhas carpinteiras, abelhas cuco e abelhas de chifre longo.

Cuidando de abelhas, outros polinizadores fazem parte da luta contra a fome no mundo


A ONU disse que “cuidar de abelhas e outros polinizadores faz parte da luta contra a fome no mundo”. Também é fundamental manter e proteger a biodiversidade entre as espécies de abelhas para garantir a resiliência agrícola.

Todas as formas de vida, como animais, plantas e microrganismos essenciais para alimentos, rações, combustíveis e fibras também estão perdendo diversidade.

“Das cerca de 6.000 espécies de plantas agrícolas, menos de 200 contribuem para a produção global de alimentos, e apenas nove delas respondem por 66% do rendimento total das culturas. A produção pecuária mundial é baseada em aproximadamente 40 espécies de animais, com apenas um punhado fornecendo a grande maioria de carne, leite e ovos”, disse WorldBeeDay.org.

“A quantidade de capturas está sendo excedida para um terço dos estoques de peixes, enquanto mais da metade atingiu seu limite de sustentabilidade. Na reunião da Comissão de Recursos Genéticos para Alimentação e Agricultura da FAO, a Região Europeia propôs que os resultados deste relatório fossem incluídos na estratégia de biodiversidade que está sendo elaborada pela FAO.”

Também disse que os países devem responder às principais conclusões do relatório, incluindo os resultados e conteúdo nas políticas nacionais, legislação, programas e projetos na área de biodiversidade na agricultura, silvicultura e alimentação. Acrescentou que isso deve estar de acordo com suas capacidades, embora haja uma necessidade urgente de formular medidas para implementar as conclusões do relatório.

O site disse ainda que o relatório será importante para a discussão sobre a estrutura global da biodiversidade como parte da Convenção sobre Diversidade Biológica após 2020 e para alcançar os objetivos de desenvolvimento sustentável da Agenda 2030.

Outro relatório de avaliação global sobre polinizadores, polinização e produção de alimentos emitido pela Plataforma Intergovernamental de Política Científica sobre Biodiversidade e Serviços Ecossistêmicos em 2016 descobriu que cerca de 16% dos polinizadores vertebrados em todo o mundo estão ameaçados de extinção, incluindo 30% das espécies insulares.

Da mesma forma, pesquisadores da Universidade de New Hampshire alertaram que houve um “declínio dramático” de 14 espécies de abelhas selvagens necessárias para a polinização de maçãs, mirtilos, cranberries e outras culturas cultivadas no noroeste. 

Utilizando dados do museu de 1891 a 2016, os pesquisadores examinaram a predominância de 119 espécies de abelhas selvagens nativas de New Hampshire, mas também espalhadas pelo nordeste e pela América do Norte como um todo.

Descobriu-se que catorze das espécies diminuíram substancialmente, enquanto oito espécies cresceram consideravelmente. Das 14 espécies que estão diminuindo, 13 são chamadas de ninhos de solo e uma é de ninhos de cavidade. Em geral, tanto as espécies de abelhas decrescentes quanto as crescentes têm migrado para o norte nos últimos 125 anos, sugerindo que as mudanças no clima são um fator determinante.

Conscientize mais:

Abelhas em extinção : E de efeito cascata a cultura alimentar e a humanidade

Pesticidas: Os governantes estão colapsando a biodiversidade

Beija-flores e abelhas estão sendo expostos a pesticidas neonicotinóides – Pode gerar uma crise na produção de alimentos

Governo favorece novamente a indústria dos venenos, mortes de abelhas, e consequências a biodiversidade

Insetos estão em extinção, e um colapso dos ecossistemas é iminente

Agrotóxicos estão destruindo o mundo natural e levarão ao colapso ecológico

Assistir:

Publicidade
Explore mais: Herbicida , Meio ambiente , Monsanto , Mundo , Produtos químicos
Compartilhe:
Nos Apoie com um donativo
Este artigo pode conter afirmações que refletem a opinião do autor
Siga Coletividade Evolutiva nas redes sociais!

RECENTES