Vacinação

Hospitalização de crianças de 5 a 11 anos quadruplica em Nova York menos de um mês após início de vacinação em crianças

Vacinação: Hospitalização de crianças de 5 a 11 anos quadruplica em Nova York menos de um mês após início de vacinação em crianças... As crianças vacinaram pelo menos com uma dose e já foram hospitalizadas, imagina quando tomar a segunda do veneno?

Coletividade Evolutiva
Compartilhe:
Hospitalização de crianças de 5 a 11 anos quadruplica em Nova York menos de um mês após início de vacinação em crianças

De acordo o Folha da Política, os Estados Unidos começaram a vacinar crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19 quarta-feira (3) de novembro um dia após a recomendação do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

O principal órgão de saúde do governo americano recomendou a vacina da Pfizer/BioNTech para uso amplo nesta faixa, seguindo a autorização da FDA, agência sanitária do país.

Autoridades afirmam que todos os internados na cidade entre 5 e 11 anos nas últimas 3 semanas não possuem ciclo vacinal completo mas já se vacinaram pelo menos com uma dose.

As hospitalizações de crianças supostamente devido à Covid-19 aumentaram no estado de Nova York, e particularmente na cidade, onde quadruplicaram desde a segunda semana de dezembro até esta segunda-feira (27), afirmou o chefe do Departamento de Saúde do estado, Mary T. Bassett.

"Temos registrado um aumento nas internações pediátricas, concentradas na área da cidade, onde houve um aumento de cerca de quatro vezes", disse em entrevista coletiva conjunta com a governadora Kathy Hochul.

"Estamos alertando os nova-iorquinos sobre este aumento recente e surpreendente nas internações pediátricas para a Covid-19, para que os pediatras, pais e responsáveis possam tomar medidas urgentes para proteger nossos nova-iorquinos mais jovens", afirmou.

De acordo com as autoridades sanitárias, das crianças de 5 a 11 anos internadas em hospitais da cidade com Covid-19, da semana de 5 de dezembro até a atual, nenhuma tinha o esquema de vacinação completo.

"Muitas pessoas ainda pensam que as crianças não estão infectadas com a Covid. Isso não é verdade. As crianças estão infectadas e algumas serão hospitalizadas", insistiu.

Segundo relatório divulgado hoje pela Academia Americana de Pediatria e pela Associação de Hospitais Infantis, entre os dias 9 e 16 de dezembro, quase 170 mil crianças tiveram diagnóstico positivo para a Covid-19 no país, um aumento de aproximadamente 28% em duas semanas, destaca o canal 7 da rede ABC.

Por sua vez, a governadora nova-iorquina reiterou o apelo aos pais para aproveitarem as festas de Natal e vacinarem os filhos.

Já o prefeito de Nova York, Bill de Blasio, lembrou em entrevista coletiva que nesta segunda-feira entrou em vigor a obrigação dos funcionários do setor privado comprovarem que têm pelo menos uma dose da vacina, sob pena de multas de até mil dólares (aproximadamente R$ 5,6 mil).

A partir desta segunda, os nova-iorquinos com 12 anos ou mais também precisam apresentar comprovante das duas doses de vacinas para comer em restaurantes, academias ou visitar locais de entretenimento.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Veja mais sobre:

Governo Mundo Notícias alternativas Vacina Vacinação
Compartilhe:
RELATAR ERROS:

: Ao reproduzir este artigo: Uso não comercial OK, cite | coletividade-evolutiva.com.br | com um link clicável. Siga Coletividade Evolutiva nas | REDES SOCIAIS | Se você gosta de informações como as que publicamos, por favor, considere fazer uma doação para nos ajudar a manter nosso trabalho e o Coletividade Evolutiva disponível | FAZER UMA DOAÇÃO |

MAIS RECENTES