China estoca alimentos enquanto o mundo enfrenta fome e escassez - prepare-se para o grande ataque do Reset Global

China comunista está comprando alimentos e outros suprimentos como parte de um enorme estoque do governo.


China estoca alimentos enquanto o mundo enfrenta fome e escassez - prepare-se para o grande ataque do Reset Global

Em um momento em que os preços dos alimentos já estão subindo devido à inflação descontrolada, a China comunista está comprando alimentos e outros suprimentos como parte de um enorme estoque do governo.

A China está basicamente acumulando tudo comestível em que pode colocar as mãos, mesmo enquanto seus próprios cidadãos morrem de fome nos bloqueios de coronavírus de Wuhan (Covid-19) exigidos pelo governo.

Mais da metade do milho (milho), arroz e trigo do mundo agora pertence à China, que abriga menos de 20% da população mundial. Durante o período de janeiro a setembro de 2021, a China importou mais alimentos do que nunca desde pelo menos 2016, quando os dados associados começaram a ser relatados.

“Nos últimos cinco anos, as importações chinesas de soja, milho e trigo aumentaram de duas a doze vezes em compras agressivas dos EUA, Brasil e outras nações fornecedoras”, relatou Strange Sounds .

“As importações de carne bovina, suína, laticínios e frutas aumentaram de duas a cinco vezes.”

Parte da maneira como a China conseguiu fazer isso foi fazendo com que as empresas chinesas adquirissem empresas estrangeiras. Eles então canalizam todos os alimentos e mercadorias de volta para a China, privando o resto do mundo de acesso.

O estoque de alimentos chinês está contribuindo para preços de alimentos ainda mais altos do que o que já está sendo visto devido à corrupção de Wall Street e à impressão desenfreada da moeda fiduciária “monopólio”.

Uma das maiores bases de armazenamento da China está localizada no porto de Dalian e é de propriedade do COFCO Group, um importante processador de alimentos estatal chinês. Esta unidade armazena feijões e grãos colhidos no país e no exterior. Tudo isso é armazenado em 310 silos gigantes, tendo sido entregue por via ferroviária e marítima.

De acordo com Qin Yuyun, chefe de reservas de grãos da Administração Nacional de Alimentos e Reservas Estratégicas, a China está atualmente mantendo os estoques de alimentos em um “nível historicamente alto”.

Enquanto isso, os preços dos alimentos estão subindo dramaticamente. A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) compila um índice de preços de alimentos que, em novembro passado, descobriu que os preços dos alimentos são cerca de 30% mais altos em comparação com um ano antes.

Um grande ataque cibernético global para o grande reset do Fórum Econômico Mundial colapsará os países despreparados


O plano é bem simples, é colapsar todo o sistema global, sociedade, economia e governos democráticos para reconstruir de novo na linha da agenda globalista da Nova Ordem Mundial nefasta, apresentada pelo Fórum Econômico Mundial como o Grande Reset / ou Reinicialização/ Restauração.

O dinheiro de papel está com seus dias contatos conforme os globalistas do Fórum Econômico Mundial (WEF) está agora "prevendo/ preparando" um ciberataque global que é semelhante ao Evento 201(que simulou uma pandemia e em poucos meses depois eis ela na vida real).

“O cenário assustador de um ataque cibernético abrangente poderia interromper completamente o fornecimento de energia, transporte, serviços hospitalares e nossa sociedade como um todo”, disse Schwab. “A crise do COVID-19 seria vista, a esse respeito, como um pequeno distúrbio em comparação a um grande ataque cibernético.”

“Acredito que haverá outra crise”, disse o diretor administrativo do Fórum Econômico Mundial , Jeremy Jurgens. “Vai ser mais significativo. Será mais rápido do que o que vimos com COVID. O impacto será maior e, como resultado, as implicações econômicas e sociais serão ainda mais significativas. ”

O globalista, Klaus Schwab, fundador e diretor-executivo do Fórum Econômico Mundial, chamou esse cenário de crise da "Grande Reinicialização". Em outras palavras, a oportunidade para reconfigurar o mundo e reconfigurar o sistema financeiro mundial aos seus interesses globalistas de uma Nova Ordem Mundial, levando para uma única moeda digital" que no ponto de vista de pesquisas, será uma grande armadilha tecnocrata para a humanidade.

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Uma pequena pausa antes de continuar


Este site usa cookies e outros serviços para melhorar sua experiência. Ao usar nosso site, você concorda com nossa Política de Privacidade e Termos.