O lockdown e auxílio emergencial do colapso econômico, social e alimentar

Compartilhar
O lockdown e auxílio emergencial do colapso econômico, social e alimentar

As autoridades do governo, tem ativado leis draconianas contra a população, sobre o pretexto de combater a suposta pandemia, no entanto, o país está dando "tiro em seu próprio pé". As leis draconianas têm combatido milhões de pessoas e seus meios de ganha-pão, além de paralisar a roda da economia do país, não é nenhum segredo que o mundo de hoje, gira em torno do poder da manufatura e do dinheiro. A população tem que começar a acordar e decidir, enfrentar e correr o risco de pegar um vírus tratável, ou aguardar a fome bater na porta?

Com o auxílio emergencial entrando, ou melhor, com o auxílio emergência para desqualificar a população, muitos acreditam que isso durará para sempre, no entanto, estão enganados, a verdade é, até quando vai durar para o país declarar falência? O país tem perdido suas riquezas naturais para forças estrangeiras, além disso, estamos prestes a ver um colapso social, econômico, e alimentar, e isso é um fato iminente se o país continuar fechando as portas dos microempreendedores, comerciantes, indústrias em geral, que consequentemente está causando desemprego em massa e que nunca mais voltarão, ou se recuperarão. As chamadas leis para combater a suposta pandemia, não tem resolvido absolutamente nada em relação ao suposto vírus, os números continuam piorando -  na verdade, as leis draconianas estão combatendo tanto os cidadães, quanto os seus meios de sobrevivência, e empresas em geral.

A verdadeira verdade por trás da pandemia criada, é que foi planejado por um grupo de pessoas da elite mundial como Bill Gates, a intenção disso tudo é forçar as nações clamarem por uma solução, e essa solução, os globalistas irá fornecer, será dar o chamado RESET GLOBAL, em outras palavras, destruir essa velha ordem, para emergir uma nova ordem, chamada NOVA ORDEM MUNDIAL, entre um dos muitos objetivos é alcançar uma redução populacional em massa, além disso, nela incluirá, monitoramento, vigilância em massa, vacinação obrigatória, passaporte de imunidade, identidade digital, para poder comprar, vender entre outros, e em última análise, será o governo opressor, onde não terá mais nenhum direito constitucional a favor da população.


IBGE: o desemprego é só o começo


em agosto de 2018, 62,9 milhões (3,63%) de brasileiros não conseguiram pagar as contas e tiveram o nome negativo. Agora, segundo os dados sobre desemprego, da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), a segundo trimestre de 2020 registrou recorde na redução de 9,6% no número de pessoas ocupadas no Brasil. No total, 8,9 milhões de pessoas perderam seus postos de trabalho de abril a junho, em relação ao período de janeiro a março.

Com isso, a população ocupada ficou em 83,3 milhões, o menor nível da série histórica, iniciada em 2012. 


Pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal "Folha de S.Paulo" recentemente divulgado, mostra que a maioria dos brasileiros está usando os R$ 600 do auxílio emergencial para comprar comida, isso significa, que esses tais, já estão dependentes dos R$ 600 para sobreviver, logicamente podemos dizer que já não possuem outro meio de subsistência.

  • Compra de alimentos: 53%
  • Pagamento de contas: 25%
  • Pagamento de despesas da casa: 16%
  • Outras despesas: 4%
  • Compra de remédio/máscara/álcool em gel: 1%

A pesquisa foi realizada em 11 e 12 de agosto, com 2.065 brasileiros adultos que possuem telefone celular em todas as regiões e estados do país. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

O instituto perguntou ao entrevistado se o auxílio emergencial é sua única fonte de renda.

  • Sim: 44%
  • Não/há outras fontes de renda: 56%


Bolsonaro volta a defender cloroquina contra Covid-19 e diz que desemprego leva à morte


De fato, o presidente Jair Bolsonaro que novamente, recentemente defendeu o uso da hidroxicloroquina para o tratamento da Covid-19, no qual ele mesmo é um grande exemplo que o tratamento funciona, no qual o seu teste deu positivo, logo mais tomando o medicamento junto com a Azitromicina, nem se quer precisou ser entubado, mas sim, recuperou-se rapidamente, no entanto, as autoridades de saúde e a grande mídia da massa continuam negando os fatos, e iludindo a massa, para favorecer os interesses de globalistas que querem muito aplicar vacinas nas populações por algum motivo obscuro, que vai além do querem cuidar da humanidade.

Jair Bolsonaro por se só é a prova viva da eficácia desse medicamento contra o vírus Covid-19, e isso é uma prova solida que é cientifico, e vale mais do que qualquer estudo cientifico. Mesmo com as autoridades e a grande mídia corrompida, negando os fatos, esse tratamento é eficaz e científico, bastas ver médicos e cientistas, 
que estavam salvando vidas com esse trateamento e que apoiam esse tratamento sendo por algum motivo censurados por dizer que o tratamento com hidroxicloroquina mais azitromicina, e zinco cura a Covid-19, se quisessem acabar e proteger realmente a população já teriam feito isso, no entanto, aí é com você, em quem vai acreditar, no sistema manipulador e corrupto, ou médicos verdadeiros que prezam pela vida humana e querem salvar vidas?

Se você gostou desse artigo, compartilhe, se inscreva em nosso canal no Telegram para escapar da extrema censura que estamos sofrendo. Ajude-nos alcançar e despertar mais pessoas.
Ajude-nos abrindo uma publicidade - Cique aqui
Ajude-nos abrindo uma publicidade - Cique aqui
Continue lendo após publicidade
Estar havendo uma extrema censura por parte dos gigantes da tecnologia. Por isso, incentivamos que todos que desejam receber nosso conteúdo valioso , a se inscreverem na nossa lista de e-mail. - Depois de se inscrever acesse sua caixa de entrada ou de spam para confirmar sua inscrição.
Siga nas redes | Instagram | Facebook |Twitter |Telegram
Compartilhar

Fabio Allves

Fabio Allves
Criador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade e despertar. Desde meu autoconhecimento há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. Questionando as raízes que constitui aparentemente nossa “realidade”, e como o condicionamento social afeta nossa busca coletiva pela verdade em todos os aspectos da vida. Tem como objetivo trazer às informações que está livremente correndo nas mãos do público, para ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar. | Telegram

Mais