A Agenda da redução populacional em 90%, transformando humanos em adubo

A Agenda da redução populacional em 90%, agora vão transformar humanos em adubo

Os Globalistas estão trabalhando ativamente para exterminar 90% da raça humana, dizendo a si mesmos que a eliminação de “comedores inúteis” é a única maneira de “salvar o planeta”. A aniquilação da vasta maioria dos humanos no planeta Terra é abertamente  defendido por influenciadores de esquerda e pela elite global bilionária, incluindo Bill Gates o mais conhecido por declarar que a melhor forma de exterminar a raça humana seria através das vacinas, e o fato é que ele financia muitas vacinas para populações.

Um dos passos para a agenda dos globalistas é a liberação de uma arma biológica, tal qual como no filme “Autodestruição”, que foi projetada para matar pelo menos 90% da população global e isso inclui as armas de modificação climática. Uma vez que a redução populacional seja concluída, o trabalho humano será substituído por robôs automatizados, enquanto os “drones suicidas” do Google procuram e exterminam os sobreviventes humanos que vivem nos escombros de cidades. 

Um projeto, chamado de “Morte Urbana“, foi proposto pela arquiteta Katrina Spade, através de uma bolsa de estudos ambientais em Seattle. Para manter o ritual relacionado à morte, foi criado um edifício de três andares para a realização da compostagem humana(Adubo humano). A proposta é que os parentes possam levar para casa parte do material obtido através da compostagem e usá-lo como adubo onde quiserem. “Quando falamos em compostagem, as pessoas pensam em cascas de banana e borras café, mas os nossos corpos também têm nutrientes“, lembra Katrina.

Diretor do filme Anti Nova Ordem Mundial que alertaria o mundo não foi lançado


Isso nos leva a forte suspeitas também, como foi o caso do David Crowley, o diretor de "Gray State"(Estado Cinza), um filme sobre a Nova Ordem Mundial e o estado profundo dos globalistas. No filme pessoas sendo marcadas para poderem comprar ou vender, outras sendo assassinadas em meio as ruas, vigilância total, declaração de Lei marcial no qual todos os civis perdem seus direitos de leis, sendo assim podem ser assassinados sem quaisquer consequências - Mas o mais estranho disso tudo é que David Crowley estava preste a realizar o seu maior sonho de lançar o seu filme, que era uma produção independente - porem em uma noite foram assassinados David sua esposa e sua filha de 5 anos, de forma que fizeram parecer suicídio.

Em uma entrevista ao INFOWARS em 2012, Crowley afirmou que ele sentiu que era sua responsabilidade espalhar a mensagem sobre a possibilidade de um declínio dos Estados Unidos em detrimento de uma Nova Ordem Mundial. A entrevista descreve o filme como "um filme independente prevendo um estado policial brutal, a lei marcial e a repressão, a identificação biométrica, um estado de vigilância onipresente, e tropas da FEMA colocando dissidentes em campos de refugiados."

Estado de Washington prestes a legalizar a compostagem de cadáveres humanos para “reciclá-los” para adubos de alimentos


À medida que a agenda de redução populacional global está aumentando, as leis estão sendo implementadas para permitir que os governos descartem eficientemente bilhões de corpos “reciclando-os” de volta para o suprimento de alimentos. 

No estado de Washington, por exemplo, um novo projeto de “compostagem humana” foi aprovado pela Câmara e pelo Senado . Uma vez assinado em lei, permitiria que cadáveres humanos fossem liquefeitos e liberados no sistema de esgoto. A partir daí, o “biosludge” é coletado por todas as cidades da América - incluindo Seattle - onde é desidratado e transportado para as fazendas rurais nas áreas vizinhas. Lá, ele é despejado em campos agrícolas depois de ser desonestamente rotulado de “fertilizante grátis” para os agricultores.

Efetivamente, isso significa que os cadáveres humanos serão “reciclados” de volta para o suprimento de alimentos em Washington. Em breve, isso será autorizado em toda o mundo sobre o pretexto de sustentabilidade. É um dos passos necessários antes que os globalistas liberem sua arma biológica de “Autodestruição”, que foi projetada para matar pelo menos 90% da população global. O extermínio de 90% da população é agora considerado um “passo necessário” para manter esses governos financeiramente solventes, eliminando trilhões de obrigações financeiras, tais como aposentadorias, Medicare e Seguridade Social.

O governo dos EUA extermina as massas, ou será eliminado financeiramente até 2035


Como o Wall Street Journal agora relata , a Administração da Seguridade Social (SSA) passa para o fluxo de caixa negativo em 2020 e será completamente saqueada e sem dinheiro até 2035, mesmo que deva trilhões a futuros beneficiários de direitos. "Até 2035, os fundos fiduciários de ambos os programas serão reduzidos, e a Previdência Social não poderá mais pagar seus benefícios programados, a menos que o Congresso entre em prática para reforçar o programa", informa o WSJ. “Em termos mais amplos, espera-se também que os crescentes custos da Seguridade Social e do Medicare pesem sobre o orçamento federal. Ambos os programas juntos respondem por 45% dos gastos federais, excluindo os pagamentos de juros da dívida nacional, e contribuíram para déficits maiores que devem ultrapassar US $ 1 trilhão por ano a partir de 2020. ”

O "welfare state" é obviamente insustentável. Se as massas forem autorizadas a viver, acabarão por invadir / derrubar os governos que não cumprem suas promessas de direito.

A resposta para tudo isso? Os globalistas vão desencadear uma arma biológica que mata 90% da população humana. Afinal, as pessoas que já morreram não recebem mais “benefícios” do governo. É assim que o genocídio se torna uma questão de política pública e autopreservação do governo.


Fabio Allves

Fundador: Fabio Allves
Fundador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade de qualquer forma que ela venha. Desde meu despertar há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. A informação está livremente correndo nas mãos do público, então o meu objetivo é ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar e fazer parte da inevitável mudança que acontece ao desperta a sociedade. Saber Mais


Notícias Relacionadas Recomendadas