Porque as grandes mídias corporativas estão manipulando notícias, e difamando pessoas que defendem direitos morais naturais da sociedade. - Coletividade Evolutiva

Porque as grandes mídias corporativas estão manipulando notícias, e difamando pessoas que defendem direitos morais naturais da sociedade.

Porque as grandes mídias corporativas  estão  manipulando notícias, e difamando pessoas que defendem direitos morais naturais da sociedade.

Donald Trump foi bastante difamado pela as mídias internacionais e nacionais, eu percebia que não falavam nada bem dele, já por outro lado via a mídia apoiando a hillary clinton nas eleições norte americanas. Não foi atoa que Trump disse repetidamente que as grandes mídias deveriam ser tratados como “o inimigo do povo”, Donald Trump . Trump disse também em um twitter que o mecanismo de busca do Google "manipulou" os resultados da pesquisa de notícias para mostrar principalmente "notícias falsas" sobre ele e outros conservadores. Mais tarde, ele criticou o Facebook e o Twitter sobre manipular notícias também. 

A internet fornece acesso a informações e educação sobre tudo, desde política à física. Na verdade, somos atualmente mais capazes de ter conhecimento do que qualquer outro grupo de pessoas que já viveu. Dispositivos de comunicação na Internet são quase como ter uma chave para o entrar em um campo oculto, e podemos acessar praticamente todas as informações em qualquer lugar da Terra. 

No entanto, esse "campo oculto" também é mergulhado na mesquinhez e inverdades que permeiam esse reino físico hoje. Por esta razão, temos que aprender a distinguir entre conhecimento e ter discernimento. Nosso acesso ao conhecimento não significa necessariamente sabedoria (conhecimento sendo a posse de informação, e sabedoria sendo a inclinação para ter discernimento com essa informação.) Portanto, cabe a cada um de nós, não ao governo ou a suas corporações ou governos determinar por nós mesmos que informação é real e relevante, e o que é ' notícia falsa ' ou propaganda

Informações versus desinformação 

O mundo está no precipício da mudança. A era da informação tem o poder de desafiar as estruturas do status do atual. Tem até o potencial de eliminar a influência do dinheiro sobre as eleições de nossos líderes , pois todos os candidatos podem receber plataformas de comunicação iguais, que possibilitem a todos (e suas políticas) igualmente, para que aqueles com as melhores ideias sejam eleitos, e não os com capital corporativo mais rico que podem comprar o tempo da grande mídia maestream corporativa.

Essa constrição de idéias se expandiu ao ponto de que qualquer coisa esotérica ou desafiadora para a narrativa midiática está sendo encoberta e abertamente depreciada ou censurada, enquanto, ao mesmo tempo, propaganda militarista é divulgada pela grande mídia, que se recusa a genuinamente analisar ou criticar as ações de sua coorte de governo.

Além disso, a grande mídia tem sido uma manipuladora repetidamente ocultando e falsificando “notícias”, enquanto oculta completamente as histórias importantes - estão demonstrando claramente que está trabalhando para os seus patrões com lealdades e agendas corporativas e governamentais. Basta olhar para os incontáveis ​​eventos globais que estão sendo relatados pelas notícias de sites como o CE, digo não censura a informação, e compará-los com as noticias seletivas e politicamente tendenciosos da grande mídia mainstream; há pouca integridade jornalística que se  exibi nos principais meios de comunicação das massas, apenas a manipulação da informação. Como resultado, a confiança do público nas principais notícias diminuiu constantemente nos últimos anos, enquanto a “mídia alternativa” cresceu em seu lugar , preenchendo o vazio da realidade das noticias verdadeiras. notícias, visões e análises que não são ouvidas nem examinadas nos principais meios de comunicações. 

E aí que entra o ímpeto das instituições para censurar a internet. O papel do jornalismo costumava ser o de manter as instituições com responsabilidade  e transparência. Mas hoje o que vemos é, as principais instituições do mundo - uma rede de corporações, governo, mídia e entidades religiosas - estão escondendo a verdade e informações sobre tudo, da política à física, oferecendo sua própria influência tendenciosa, que é muitas vezes um falso subterfúgio projetado para manter o controle. e consenso das massas. Eventos e visualizações relatados na grande mídia mainstream são filtrados, distorcidos e até mesmo construídos descaradamente por corporações de mídiaque escondem suas alianças corporativas e políticas por trás do disfarce de “notícias” e “jornalismo”.

Como exemplo disso, um deputador abre o verbo na  e fala a abertamente que as eleições do Brasil via urnas são todas fraudulentas e a grande mídia já está preparada para falar de quem vai ganhar e quem vai perder.outro do mesmo.
Nesse mundo quem fala a verdade corre o risco de morte, todos que falaram demais foram mortos veja esse também que denuncia as mídias e os partidos políticos.

 Por que  você acha que os fatos estão sendo rotulados como “alternativas” ou “notícias falsas”, os governos estão tentando censurar e neutralizar a internet, e a grande mídia farjuta, que se colocam como se estivesse do lado do povo em informar sobre grandes eventos mundiais,enquanto o que fazem é compartilhar repetições infinitas.

Sem dúvida, essa seletividade das notícias e informações disponibilizadas à população em geral comprova uma agenda institucional que gira em torno da limitação e supressão manipulação da informação - e isso com certeza é uma má notícia para uma sociedade supostamente livre . 

A Procura da verdade: um ato revolucionário 

Instituições corrompidas, de uma forma ou de outra, escravizam indivíduos a essas instituições das grandes mídia. As instituições governamentais e não governamentais  corrompem a lei e a legalidade. Instituições religiosas corrompem a espiritualidade. Instituições corporativas corrompem o comércio. Instituições da grande mídia corrompem o pensamento. Instituições financeiras corromperam nossa economia. Hoje, essa corrupção institucional é tão desenfreada que se tornou a normalidade não declarada, e falar a verdades dessas instituições, elas mesmas podem nos rotular de  inflamador de discurso de ódio ou de noticias falsas  visto como desordem, dissensão e até mesmo doença da sociedade . 

Nossas instituições são projetadas para limitar nosso acesso ao conhecimento e, portanto, nosso pensamento, e promover o fanatismo e o elitismo como o novo ideal político - e como resultado, muitos em nossa sociedade são incapazes de compreender a diferença entre o legal e  o moral . 

Se inscreva por e-mail e receba nossas novas atualizações em seu e-mail


Author Image

Autor: Fabio Allves
Fundador do Coletividade Evolutiva; Um ávido pensador livre, eu partir em uma missão em busca da verdade de qualquer forma que ela venha. Desde meu despertar há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. A informação está livremente correndo nas mãos do público, então o meu objetivo é ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar e fazer parte da inevitável mudança que acontece ao desperta a sociedade. Saber Mais


Deixe um comentário sobre isto!