Anvisa alerta para risco de pegar dengue com a vacina Dengvaxia ?

Anvisa alerta para risco de pegar dengue com a vacina Dengvaxia ?

As vacinas previnem doenças e aumentam a imunidade? 

O termo "imunização", muitas vezes substituído pela vacinação, é falso e deve ser contestado legalmente. A pesquisa médica estabeleceu que a injeção direta de proteínas estranhas e outros materiais tóxicos (particularmente conhecidos como venenos imune-sensibilizantes, como mercúrio) tornam o destinatário mais, não menos, facilmente afetado pelo que ele / ela encontra no futuro. Isso significa que eles fazem o oposto de imunizar, geralmente impedindo a imunidade de desenvolver após a exposição natural.

A freqüência real de problemas de saúde foi estimada pelas autoridades possivelmente até 100 vezes, ou mais, maior do que a registrada pelas agências governamentais. Essa diferença deve-se à falta de aplicação ou incentivo para que os médicos denunciem efeitos adversos. Com os movimentos anti-vacinação que agora expõe a verdade na internet, a comunidade médica está agora em alerta, defendendo suas reivindicações e sendo informado pelos fabricantes de vacinas que nunca devem deixar seus pacientes (ou pais) pensar que os riscos poderiam superar a benefícios, quando na realidade, é exatamente o oposto da é verdade.

Evidências convincentes estão finalmente chegando a partir de estudos revisados ​​por pares que mostram que o rápido aumento do número de vacinas administradas a crianças e adultos está criando toxicidade sinérgica e um estado de sobrecarga imune na maioria dos receptores de vacinas que se manifestam em questões de saúde relacionadas, incluindo epidemias de obesidade, diabetes e autismo, etç.

Anvisa alerta para risco de pegar dengue com a vacina Dengvaxia

Agora a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em comunicado divulgado nesta quarta feira, dia 29 de novembro, o laboratório Sanofi-Aventis, fabricante da vacina Dengvaxia, a mais usada contra a doença da dengue, apresentou informações preliminares e ainda não dizendo que não são conclusivas, que apontam que as pessoas podem desenvolver formas mais graves da dengue após serem imunizados, mesmo sem ter tido contato prévio com o vírus. 

(Como podemos entender uma coisa dessa imuniza as pessoas, agora ela vai desenvolver outras formas mais graves da doenças meus caros leitores,? então não esta imunizando como dizem mas sim infectando as pessoas com o vírus da dengue que contem na própria vacina. )

"De acordo com os resultados obtidos e apresentados pela empresa à Anvisa em reunião no dia 27 de novembro de 2017, após cinco anos da administração da vacina, eles ainda tem a hipocrisia de dizer que é positivo o benefício da vacinação na população geral .Eles dizem que pessoa que  [não tiveram a dengue], depois de 30 meses após a 1ª dose da vacina, ocorre um aumento do risco de exacerbação da doença, com aumento de casos de dengue severa e hospitalização, ficando este risco acima daquele para indivíduos soronegativos que não receberam a vacina, embora os dados ainda não sejam conclusivos", revela a nota informativa divulgada pela Anvisa.

Fonte:


Author Image

Fundador: Fabio Allves
Fundador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade de qualquer forma que ela venha. Desde meu despertar há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. A informação está livremente correndo nas mãos do público, então o meu objetivo é ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar e fazer parte da inevitável mudança que acontece ao desperta a sociedade. Saber Mais