CRIANÇA É REMOVIDA DOS PAIS POR MOSTRAR AO MUNDO REAÇÃO DE VACINA EM SEU FILHO

CRIANÇA REMOVIDA DOS PAIS POR SER CONTRA VACINAS

Essa vacina foi trazida para o Brasil em 2015 pela a farmacêutica GSK [GlaxoSmithKline} ou seja a grande pharma. Aprovada em janeiro pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a vacina chamada de Bexsero já é oferecida pela companhia nos Estados Unidos e na Europa. Desenvolvida a partir de 1995, a medicação é recomendada principalmente para crianças com até 1 ano. Segundo a GSK, cada dose será oferecida às clínicas por R$ 340, mas o preço pode variar entre os estados brasileiros devido à tributação. Segundo a empresa, bebês com idade entre 2 a 5 meses precisam tomar três doses. Em crianças com faixa etária entre 6 e 11 meses, a recomendação é de duas doses. Ambas as faixas etárias são classificadas como grupo prioritário. Já para quem tem mais de 1 ano e até 50 anos, a recomendação é de duas doses.saiba mais aqui.

"Imagine esse cenário: seu bebê perfeitamente saudável começa a ter 14 convulsões por dia, um dia depois de receber a vacina contra Meningite B. Você não obteve respostas do seu médico da família, ou de qualquer outra pessoa, para esse assunto. Você faz um vídeo do seu filho sofrendo para avisar outros pais que tem  algo errado com a vacina. Você acha que isso é certo: deixe as pessoas verem o que aconteceu com o seu filho e se esforçam para se optarem por excluir essa vacina em particular. Você começa a pesquisar sobre a segurança das vacinas e conclui que não estará mais vacinando seus filhos. Isso resulta em seu filho sendo removido de sua casa, por que sua posição anti-vacina pode prejudicá-lo. Imagine. Luke Maguire e Louise McKever não precisam imaginar esse cenário. Eles o viveram na pele ".

- Richie Allen, apresentadora de rádio

No último ano, Luke Maguire e sua parceira, Louise, passaram por um inferno. Desde que seu filho recebeu uma nova vacina de meningite chamada Bexsero, que causou uma reação maciça dentro de um dia, ao recebê-la, seu filho sofreu uma nova e estranha contração.

"Na vacina de dois meses, Bobby desenvolveu uma contração", disse Luke ao apresentador de rádio Richie Allen. "Nós soubemos imediatamente  que foi por conta da vacina naquela noite. Ele estava com sono, flexível e pálido. Mas depois de alertar as enfermeiras para o espasmos, eles nos garantiram que as vacinas eram 100% seguras ".

Depois de receber nenhuma ajuda do médico da família, ou qualquer outra pessoa no campo médico, o pai franco começou a compartilhar suas experiências no Facebook com um vídeo de Bobby tendo suas convulsões. Ele esperava avisar outros pais que a vacina Bexsaro é insegura. Ele disse que causou um declínio na saúde de seu filho que, deu-lhe epilepsia grave, que ele não teve antes de receber a vacina.

Depois que o pai falou sobre a primeira vacina causando problemas, os serviços sociais ameaçaram levar a criança



Depois de receber a grande imprensa , a história tornou-se bem conhecida no Reino Unido e, devido a um vídeo do Facebook feito por Luke, foi viral no exterior. Enquanto Luke e Louise sabiam que a vacina causava danos graves e não queria mais vacinar Bobby, os serviços sociais ameaçavam tirar Bobby de seus cuidados se eles não continuassem a vaciná-lo. Relutantemente, os pais o vacinaram de novo. Após este segundo lote, a saúde de Bobby se deteriorou ainda mais, o que significava que agora ele estava tendo ataques severos que, por vezes, duraram alguns minutos de cada vez.

Desde que recebeu essas vacinas, Bobby visitou o hospital mais de 55 vezes. Luke postou no Facebook para compartilhar a história de Bobby com tantas pessoas quanto possível e a família procurou ajuda fora do sistema médico para tentar recuperar a saúde de seu filho. Eles lhe deram comida orgânica, tentaram homeopatia e outros remédios naturais, e tiraram-no de lácteos. A saúde de Bobby e as apreensões começaram a melhorar. Para saber mais acesse aqui



Esse não é o vídeos original mas foi adicionado ao youtube, se quiser ver o vídeos original acesse aqui
Compartilhe com outros o que você acha das vacinas e compartilhe o artigo para os amigos.



Fabio Allves

Fundador: Fabio Allves
Fundador do Coletividade Evolutiva; Um autodidata ávido pensador livre, eu parti em uma missão em busca da verdade de qualquer forma que ela venha. Desde meu despertar há vários anos, minha paixão por conhecimento e justiça me levou a uma jornada em busca de pesquisas profundas. A informação está livremente correndo nas mãos do público, então o meu objetivo é ajudar a facilitar o fluxo complexo de informações, de modo que outros posam facilmente alcançar seu próprio despertar e fazer parte da inevitável mudança que acontece ao desperta a sociedade. Saber Mais


Ao contrário da mídia convencional , o Coletividade Evolutiva é independente, e temos como objetivo mostrar a verdade e tornar as histórias publicas. Por favor apoie o Coletividade Evolutiva, com uma doação para ajudar na evolução do site, e manter nosso trabalho vivo!


Notícias Relacionadas Recomendadas